Não existe agendamento de vacinação contra a COVID-19 e paraminenses são alvos de novo golpe

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Desde a semana passada os brasileiros estão mais esperançosos. Com o início da vacinação nacional contra COVID-19, alguns querem acreditar que o Brasil está no chamado “início do fim” da pandemia. Até o fim do ano a expectativa é que toda a população esteja imunizada contra o novo coronavírus.

Mas, como sempre acontece, se há muita demanda pra algo, sempre surgem os aproveitadores e novos golpes.

No caso da vacina não é diferente e muita gente tem recebido ligações de pessoas que se dizem profissionais da saúde. Após pegar todos os dados pessoais da vítima, o interlocutor garante que um técnico vai até a casa aplicar a vacina. Eles dizem ser do Ministério da Saúde e a vítima cai em mais um golpe.

O secretário Municipal de Saúde Wagner Magesty alerta aos paraminenses que nem a secretaria, muito menos o Ministério da Saúde ligam agendando vacinação:


Wagner Magesty

wagmagagendavacin1

Ainda sobre as vacinas, Wagner Magesty destaca a rigorosa segurança em torno da chegada e transporte das doses. Em outras cidades brasileiras foram registrados furtos de frascos da vacina e diante disso, o restante do país aumentou a segurança, como Pará de Minas:

Wagner Magesty
wagmagagendavacin2

Sobre as remessas de doses da vacina produzida pela AstraZeneca ainda não há data para chegada a Pará de Minas.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!