Fé e oração me fizeram acreditar mais, diz Elias Diniz que se recupera em casa de um AVC

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O olhar tranquilo e sorriso nos lábios. Assim Elias Diniz (PSD) recebeu a reportagem do Portal GRNEWS em sua residência, ao lado da primeira-dama Diva Diniz, na tarde desta sexta-feira, 29 de novembro.

Ele retornou a Pará de Minas após ficar internado por 11 dias no Hospital Felício Rocho em Belo Horizonte. O prefeito sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) no dia 18 de novembro.

Elias Diniz acordou normalmente na segunda-feira (18) e foi trabalhar. Logo de manhã recebeu comerciantes e vereadores e trataram de alguns assuntos. Ele estava em seu gabinete com o vice-prefeito José Porfírio de Oliveira Filho (PV), e despachando alguns documentos, quando percebeu que não estava bem. Ele então tomou um medicamento à base de ácido acetilsalicílico, pois pensou que se tratava de um infarto.

A equipe de Elias Diniz então acionou a Unidade de Suporte Básico (USB) do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para levá-lo até o Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). Após alguns exames os médicos perceberam que não era infarto, pois um lado do paciente estava paralisado. Fizeram então a tomografia que constatou o AVC hemorrágico.

Com medo da necessidade de uma cirurgia e como o HNSC não possui um centro neurológico, Elias Diniz foi transferido para o hospital referência na capital mineira. Lá uma nova tomografia confirmou o AVC e ele foi levado para o Centro de Terapia Intensiva (CTI).

Com o passar dos dias novos exames e a pressão arterial foi controlada. O prefeito foi transferido para um quarto no dia 22 de novembro, apenas cinco dias após sofrer o AVC.

Os médicos, segundo a família, estão esperançosos. O AVC não deixou sequelas e as lesões poderão ser melhoradas com dedicação. Elias terá que passar por sessões de fisioterapia e fonoaudiologia nos próximos meses.

A equipe que atendeu o prefeito de Pará de Minas está surpresa com a rápida recuperação. Exemplo disso é a tomografia. Segundo os profissionais, o corpo do prefeito está absorvendo sozinho a hemorragia, causada pela ruptura de um vaso sanguíneo, e isso demora de dois a três meses.

Com Elias Diniz, em apenas 11 dias, a hemorragia é percebida somente se prestar muita atenção ao exame, o que é um excelente notícia neste processo de recuperação da saúde plena.

Para ele, a fé é a resposta para tudo isso:

Elias Diniz
eliasdinizentrevista1

A lesão no cérebro afetou a fala de Elias Diniz, que ainda está um pouco lenta em relação ao modo que ele costumava falar. A fisioterapia servirá para ele retomar todos os movimentos do braço. Ele já anda e sobe escadas normalmente, apenas precisa de ajuda em alguns momentos para se equilibrar:

Elias Diniz
eliasdinizentrevista2

Depois do susto, o momento é de reavaliar prioridades e quando retornar ao trabalho garante que vai rever alguns procedimentos:

Elias Diniz
eliasdinizentrevista3


Agora a primeira-dama de Pará de Minas é só sorriso. Os momentos de angústia e medo ficaram no passado. Diva Diniz recebeu uma ligação no dia 18 de novembro e jamais esquecerá o que aconteceu. Foi direto para o HNSC e depois, de ambulância, para o hospital Felício Rocho em Belo Horizonte. Desde então passou todos os momentos com o marido.

O momento agora, segundo ela, é de agradecer:

Diva Diniz
divadinizentrevista1

Ela diz que antes desse fato, a família tentava controlar o ritmo agitado da vida de Elias Diniz. A partir de agora Diva Diniz garante que vai chamar ainda mais a atenção do marido:

Diva Diniz
divadinizentrevista2

Elias Diniz vai se dedicar agora à fisioterapia e fonoaudiologia. Com a recuperação rápida a expectativa é que em 40 dias ele esteja de volta às atividades, mas deverá ficar atento à pressão arterial, segundo os médicos.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!