Boa notícia: Elias Diniz sai do CTI e continua tratamento em quarto do Hospital Felício Rocho

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O prefeito de Pará de Minas, Elias Diniz (PSD) foi internado no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Felício Rocho na segunda-feira, 18 de novembro, foi transferido para um quarto na noite de quinta-feira (21).

A informação foi confirmada ao Portal GRNEWS pelo prefeito interino José Porfírio de Oliveira (PV), nesta sexta-feira (22). Ele já havia adiantado sobre a possibilidade de o prefeito deixar o CTI ser transferido para um quarto neste fim de semana e a boa notícia acabou se confirmando.

Mesmo no quarto, as visitas ainda são monitoradas e restritas. É que segundo os médicos do hospital da capital mineira, a pressão arterial de Elias Diniz ainda não está controlada. Quando recebe visitas, ele se emociona e a pressão sobe, o que não é indicado especialmente no caso de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Na segunda-feira, enquanto conversava com o José Porfírio de Oliveira Filho em seu gabinete, Elias Diniz passou mal. Segundo, o agora prefeito interino de Pará de Minas, Elias não conseguiu sequer pegar uma caneta para assinar os documentos, foi quando ele percebeu que algo não estava bem e chamou os funcionários que estavam na secretaria do gabinete.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, Elias Diniz recebeu os primeiros atendimentos ainda na ambulância da Unidade de Suporte Básico (USB) e foi levado diretamente para o Hospital Nossa Senhora da Conceição.

Lá foram realizados exames e uma tomografia constatou o AVC hemorrágico. Elias Diniz então foi levado às pressas para o Hospital Felício Rocho, referência neurológica em Minas Gerais e um dos mais completos do Brasil.

Ainda não é possível prever uma data para que Elias Diniz receba alta. Os médicos pretendem fazer novos exames, controlar a pressão arterial do paciente e somente quando ele estiver com a saúde restabelecida, será liberado para voltar pra casa.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!