Procon diz que a regra é clara e obriga lojistas a expor produtos com preços e formas de pagamento

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

vendasdiamaes_presentes_loja
Muitos consumidores já relataram que passaram por momentos nada agradáveis em supermercados. Apanharam determinado produto na gôndola e quando passaram pelo caixa o preço estava muito diferente do valor anunciado na etiqueta afixada no local onde o produto estava exposto.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Na maioria das vezes isso ocorre por falta de comunicação entre quem determina o valor a ser cobrado pelo produto e a pessoa responsável por trocar a etiqueta e atualizar o preço. Porém, o consumidor não deve ser sujeitado a este tipo de constrangimento. Pode ser que nem tenha o dinheiro para pagar o valor visualizado no monitor do caixa. Até que se resolva a questão, o clima fica tenso.

Situações como esta servem para ilustrar que o lojista deve expor os produtos e informar ao consumidor quanto custa e condições de pagamento. O alerta é do assessor do Procon de Pará de Minas, Walter Gottschalg Duarte:
walter_procon

Walter Gottschalg Duarte
proconwaltergd1

Walter Gottschalg Duarte diz que o consumidor visualizar determinado produto em uma vitrine sem preço e condições de pagamento, nem deve entrar na loja. Pois, a legislação determina que o lojista cumpra esta obrigação para facilitar comunicação com seu cliente:

Walter Gottschalg Duarte
proconwaltergd2

Mais informações podem ser obtidas na sede do Procon Municipal, localizada na rua Alferes Esteves, 95, Centro, em Pará de Minas. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8 ás 16 horas. O telefone para contato é (37) 3233-5675.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!