Novo secretário encara como desafio o comando da pasta de Gestão Pública da Prefeitura de Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Desde que assumiu interinamente a Prefeitura de Pará de Minas, no dia 21 de novembro, José Porfírio de Oliveira Filho (PV) tem feito exonerações em várias pastas. Por isso foi alvo de muitas críticas durante reunião da Câmara Municipal na noite de segunda-feira, 2 de dezembro.

Primeiro, foram dispensados o secretário Municipal de Esportes, Lazer e Turismo Paulo Francisdale e o diretor de Esportes César Augusto das Chagas. Em seguida, foi até o gabinete dele o secretário Municipal de Gestão Pública Marcos Eugênio Sanches Martins. Após uma rápida conversa o ex-prefeito de São José da Varginha também foi exonerado na manhã de sexta-feira (29).

Quem assume o lugar de Marcos Eugênio é o ex-diretor de Recursos Humanos (RH) da Prefeitura, Gilson Batista. Funcionário efetivo há quase 24 anos ele recebeu o convite de Zezé Porfírio com entusiasmo e vê a nova função como um desafio.

Ele contou ao Portal GRNEWS um pouco de sua experiência à frente do RH da Prefeitura de Pará de Minas e nesta semana está conhecendo o funcionamento da nova secretaria:


Gilson Batista
gilsonbatistanovosec1

Para a Secretaria de Esportes, Lazer e Turismo, Zezé Porfírio ainda não indicou nenhum nome. Há comentários que a pasta deve ficar vazia como forma de contenção de gastos.

Quando assumiu a Prefeitura de Pará de Minas, a preocupação do prefeito interino era pagar as três folhas de pagamento, novembro, dezembro e 13º salário. O Município deve investir nestes três pagamentos algo em torno de R$ 22 milhões. A de novembro já foi paga no último dia 29 e agora o caixa é voltado para pagar a de dezembro e a bonificação trabalhista dos servidores.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!