Uso de linha chilena ou com cerol ao soltar pipas e papagaios é crime, alerta Corpo de Bombeiros

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Desde 2017 existe no Brasil a campanha Cerol Mata, uma forma encontrada pelas autoridades de conscientizar a população quanto aos perigos de usar cerol e linha chilena ao empinar pipas e papagaios.

Além de oferecer riscos constantes a motociclistas, o uso da linha com cerol ou a chilena pode até mesmo matar crianças e animais.

A partir de abril os ventos ficam mais fortes no país e com isso muitos vão para as ruas, praças e parques soltar pipas e papagaios. A brincadeira deixa de ser inocente, se utilizar estes materiais, já que é crime fazer a mistura de cola e vidro moído e passar na linha do material. Muitos utilizam a prática para cortar a linha de outros papagaios, mas se chega a encostar em alguém pode fazer um corte profundo. A linha chilena traz os mesmos riscos, pois é encerada com quartzo moído, pó metálico ou óxido de alumínio.

Com a chegada dos ventos e estes riscos cada vez mais próximos, o Portal GRNEWS ouviu o comandante do 1º Pelotão do Corpo de Bombeiros de Pará de Minas, tenente Roger Cornélio, que destaca a importância da conscientização de crianças e adultos:


Roger Cornélio

rogercorncerol1

Em Minas Gerais a Lei 14.349/2002 proíbe o uso de pipas com linha cortante em áreas públicas e comuns. Quem utilizar paga multa entre R$ 100 e R$ 1.500,00. Já se causar danos a alguém, a pessoa é responsabilizada civilmente por danos morais, estéticos e materiais, e até mesmo criminalmente dependendo da situação.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!