Elias Diniz diz que reajuste salarial valoriza o trabalho dos servidores municipais

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Foi protocolado na Câmara Municipal de Pará de Minas no dia 21 de janeiro o projeto de lei que reajusta o salário de servidores da prefeitura, secretários municipais, do vice-prefeito e do prefeito. De autoria do Executivo, caso seja aprovado, os servidores terão o salário reajustado em 5%, e o alto escalão da Prefeitura em 4,48%.

Assim que chegou ao Legislativo, alguns vereadores começaram a analisar o projeto e já detectaram algumas falhas. Entre elas a falta de um artigo onde consta o reajuste também para os servidores da educação.

No final do ano passado, durante reunião extraordinária, os vencimentos dos servidores da pasta foram readequados. Babá Escolar e Monitora Escolar passam a receber R$ 1.594,11, Professor Auxiliar de Educação Básica (PAEB) e professores categorias 1 e 2, passarão a ganhar R$ 1.598,37; Professor de Educação Básica (PEB) 1 e 2, R$ 1.932,90; Especialista que trabalha 25 horas por semana passa a receber R$ 2.284,35, e o de 40 horas semanais, R$ 3.654,94. O Secretário 1, que trabalha em escolas com menos de 500 alunos, passa a receber R$ 1.636,91, e o Secretário 2, que atua nas instituições com mais de 500 estudantes, passará a ganhar R$ 1.952,86. Os novos vencimentos iniciam em fevereiro e março de 2020.

Um ofício foi enviado ao Executivo solicitando uma emenda para que o projeto seja aprovado.

A notícia foi recebida com um certo entusiasmo pelos trabalhadores, afinal quem não gosta de aumento. O reajuste foi calculado baseado no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Ao Portal GRNEWS, o prefeito Elias Diniz (PSD) disse que após pagar todos os fornecedores da Prefeitura, ele enfim, pôde reajustar o salário dos servidores. O aumento é também uma forma de valorizar o trabalhador:

Elias Diniz
eliasdinizreajustserv2020


Elias Diniz cita ainda a readequação aprovada no ano passado para a maioria dos servidores da Educação:

Elias Diniz
eliasdinizreajustserv20202

O projeto não deve ser votado na segunda-feira, 27 de janeiro, já que a emenda solicitada pelos vereadores não foi protocolada até o final desta sexta (24).

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!