Mais de 75% dos consumidores pretendem fazer compras online na Black Friday e no Natal

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O medo do contágio e da possível segunda onda de Covid-19 fará com que mais de 75% dos consumidores façam compras online durante a Black Friday, na sexta-feira, 27 de novembro. Os dados foram obtidos em uma pesquisa realizada pela Conversion, empresa especializada em negócios digitais.

O Portal GRNEWS constatou ainda que na mesma pesquisa os consumidores citaram que o medo do contágio, a restrição de circulação e abertura parcial do comércio físico farão com que as compras sejam por meio online, seja pelos sites das empresas ou os aplicativos.

O estudo ouviu cerca de 400 brasileiros sobre hábitos de consumo e preocupações a respeito da primeira Black Friday com a pandemia do novo coronavírus.

Para o diretor da empresa, Diego Ivo, mesmo com a reabertura dos estabelecimentos físicos, os brasileiros trouxeram para suas rotinas as compras online e assim se sentem mais protegidos.

Ainda sobre a pesquisa realizada, 90,4% dos entrevistados disseram que pretendem comprar na Black Friday deste ano. Vão aproveitar as ofertas para fazer compras de Natal, incluindo presentes para o cônjuge e os filhos. Mas são os eletrodomésticos que dominam as intenções de consumo. Entre os produtos de maior interesse estão também os eletrônicos, incluindo os celulares.

Os paraminenses também já demonstram interesse nas compras online. Além de comprar de grandes marcas brasileiras, já estão de olho nas empresas que investiram também no e-commerce. Devido a pandemia do novo coronavírus e as lojas fechadas, muitas passaram a vender também pela internet, desde o site próprio da empresa às redes sociais como Instagram e aplicativos de mensagens como WhatsApp.

Em uma rápida pesquisa pela internet, é possível perceber que as lojas paraminenses realmente investiram. Se antes vendiam em pequenas lojas, hoje as vendas mais que duplicaram por causa dos produtos que vendem pela internet.

Quanto à entrega, o consumidor também está tranquilo. Além das transportadoras contratadas pelas grandes empresas, os Correios também entraram na onda da Black Friday e melhorar o sistema de entregas, sendo mais rápidos e mais seguros ainda.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!