Aprovadas mudanças no Plano Diretor e vereadores podem realizar reuniões por videoconferência

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

As reuniões ordinárias da Câmara de Vereadores de Pará de Minas retornaram na noite desta quarta-feira (22). Para entrar no plenário era necessário usar máscaras e manter uma distância adequada das outras pessoas nos assentos. Já os vereadores se sentaram mais afastados e reduziram as falas para diminuir o tempo de reunião.

Vários requerimentos e sete projetos entraram em pauta. O Projeto de Lei Complementar 10/2020 que dispõe sobre o quadro de pessoal de carreira e política de remuneração dos servidores da Câmara teve pedido de vistas da Comissão de Orçamento, Finanças e Tomada de Contas.

O Projeto de Lei 13/2020 de autoria do vereador Daniel de Melo Oliveira (SD) que proíbe a comercialização e o uso de fogos de artifício com estampido no Município teve adiamento de votação pelo vereador Rodrigo Varela (PSD).

O projeto de número 22/2020 de autoria do vereador Marcílio Magela de Souza (MDB) instituindo a Gincana Nossa Senhora Auxiliadora (GINSA) no calendário oficial de eventos do Município também foi aprovado por 15 votos a zero nas duas votações.

Outro projeto também aprovado foi o que denomina Professor Mozart Campos Moreira, o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) a ser construído na rua Edna Gonçalves Morais, no bairro Jardim das Oliveiras.

O Projeto de Lei nº 24/2020 de autoria do Executivo, autoriza o Município a dispor dois servidores públicos municipais, ocupantes do cargo de “Auxiliar de Serviços Gerais” ao Instituto CPL Pará de Minas, o antigo Restaurante da Criança do bairro Padre Libério. Este também foi aprovado em duas votações por 15 votos a zero.

A Proposta de Emenda à Lei Orgânica nº 03/2019 altera o caput do artigo 54 da Lei Orgânica do Município de Pará de Minas. O projeto foi aprovado em primeira votação por 16 votos a zero e deve aguardar 10 dias para ser votado novamente.

Também foi votado o Projeto de Lei Complementar 08/2020 que altera o Plano Diretor Municipal. Duas emendas também foram aprovadas. Mas enquanto analisava o projeto que trata de mudanças para mista ou comercial nas ruas da cidade, o vereador Marcos Aurélio dos Santos (DEM) teve que solicitar mudanças no projeto à Prefeitura, que mais uma vez errou em algumas denominações:

Marcos Aurélio dos Santos
marcosareuniao2204


Marcus Vinícius Rios Faria (MDB), que faz parte do Conselho Municipal de Trânsito do município, também questionou os erros no projeto:

Marcus Vinícius Rios Faria
marcusvreuniao2204


O presidente Marcílio Magela de Souza (MDB) disse ao Portal GRNEWS que a Câmara estuda uma forma de realizar as reuniões por videoconferência, porém é necessário um sistema ágil para evitar problemas e conexões ruins. Cita ainda que os vereadores foram orientados a falar menos para a reunião ser mais ágil:

Marcílio Magela de Souza
marcilioreuniao2204


O vereador Carlos Roberto Lázaro (PSC) trouxe boas notícias aos paraminenses. Em breve o Município contratará mais um pneumologista para atender crianças e adultos nas unidades de saúde:

Carlos Roberto Lázaro
carlosrreuniao2204


O secretário Municipal de Saúde Wagner Magesty fez uso da tribuna da Câmara e explicou aos vereadores e participantes os investimentos realizados no Município para enfrentar o novo coronavírus. Ele citou as mudanças realizadas no prédio onde funcionava o Pronto Atendimento Municipal José Porfírio de Oliveira (P.A.) no bairro Senador Valadares e a importância dos equipamentos serem transferidos para o Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). Citou ainda que o hospital se tornará referência para tratamento de COVID-19 na microrregião.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!