Após abandono de empresa, obras de construção do Centro Público de Convivência continuam paralisadas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Centro de Convivência dos Idosos Senadora Júnia Marise funciona há décadas no bairro JK em Pará de Minas. No local há oficinas e projetos que tem o objetivo de fortalecer vínculos e dar às pessoas da melhor idade uma opção de diversão, arte, cultura e saúde, tanto física como mental.

O prédio que abriga a sede é antigo e por isso o deputado federal Eduardo Barbosa conseguiu junto ao governo federal uma emenda no valor de R$ 800 mil para construção do Centro Público de Convivência e a prefeitura entraria com uma contrapartida de R$ 150 mil para investir na obra.

O projeto foi licitado e a empresa vencedora, Andrade Júnior Assessoria, Projetos e Execução Ltda. sediada na Avenida Castro Alves, bairro Irmãos Auler, em Itaúna, recebeu a ordem de serviço em julho de 2018. O prazo para conclusão era de 18 meses.

O canteiro de obras foi montado e a fundação feita. Porém, no dia 16 de novembro de 2018 o Departamento de Contratos e Convênios da Prefeitura de Pará de Minas notificou a empresa que havia abandonado a construção. Eles deveriam procurar a administração municipal com prazo definido para retomar as obras.

Desde então a construção do Centro Público de Convivência está paralisada. Posteriormente o engenheiro civil da prefeitura de Pará de Minas Arthur Antônio Barbosa Rezende disse a reportagem do Portal GRNEWS que o contrato anterior seria rescindido e realizada nova licitação, o que ainda não ocorreu.

O assunto também foi alvo de questionamento durante reunião da Câmara Municipal. Vereadores disseram em plenário que são procurados constantemente por moradores próximos interessados em saber quando a obra será reiniciada. De acordo com o vereador José Salvador Moreira (PSD) reafirma que empresa sumiu e não deu satisfações à administração municipal:

José Salvador Moreira
josesalvador_centroconvivencia


Já o vereador Marcus Vinícius Rios Faria (MDB) questiona a burocracia que envolve licitações e como o poder público perde quando a empresa abandona uma obra, como aconteceu no Centro Público de Convivência. É preciso cobrar dos deputados para mudar as leis que envolvem as licitações:

Marcus Vinícius Rios Faria
marcus_vinicius_centroconvivencia


Enquanto a situação não é solucionada as obras seguem paralisadas e a população espera pela conclusão do Centro Público de Convivência que vai atender não só os idosos, como também pessoas de todas as idades.

O Centro de Convivência dos Idosos Senadora Júnia Marise continua funcionando normalmente na sede localizada na Rua São Francisco de Assis, 140, bairro JK, em Pará de Minas.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!