Aprovado projeto que garante realização do Processo Seletivo na Prefeitura de Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Os candidatos do Processo Seletivo e do Concurso Público da Prefeitura de Pará de Minas continuam estudando e esperam que as provas sejam aplicadas dentro dos prazos estabelecidos pela administração Elias Diniz (PSD).

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O certame é aguardado desde 2016, quando o ex-prefeito Antônio Júlio de Faria (MDB) assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) junto ao Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) se comprometendo a promover os processos.

Um novo concurso foi organizado e o Ministério Público acionou o município na Justiça por descumprimento do TAC, impondo multa diária de R$ 500,00, mas está recorrendo.

No dia 15 de março a novela ganhou mais um capítulo. Especificamente o Processo Seletivo Simplificado sofreu mais uma mudança no cronograma e nos prazos. A informação foi dada por José Leonardo Martins Pinto, secretário municipal de Gestão Pública.

Ele disse que as provas foram suspensas temporariamente porque o governo federal publicou uma lei em janeiro deste ano exigindo que os agentes de combate a Endemias e os agentes Comunitários de saúde tenham ensino médio completo.

Diante disso o Processo Seletivo Simplificado foi suspenso e enviado um projeto de lei para a Câmara Municipal adequando a lei do município a federal. A modificação chegou ao Legislativo e foi votada em uma reunião extraordinária na tarde desta quinta, 22 de março.

O vereador Marcos Aurélio dos Santos (DEM) explica que foram inseridas algumas alterações criando novos cargos, elevou para o nível médio a exigência dos candidatos aos cargos de Guarda Municipal, agentes de Saúde, além de aumento dos médicos do Programa Saúde da Família (PSF) para R$ 12 mil mensais:


Marcos Aurélio dos Santos
processoseletivomarcosaureliosantos1

Durante a reunião foram aprovadas duas emendas. Uma delas suprime um artigo que alterava a jornada de trabalho para todos os servidores da Secretaria Municipal de Saúde. A outra tratou das exigências de escolaridade para o cargo de professor auxiliar:

Marcos Aurélio dos Santos
processoseletivomarcosaureliosantos2

De acordo com o presidente da Mesa Diretora, Marcus Vinícius Rios Faria (MDB), a expectativa é de que não ocorram mais atrasos para que a população possa participar do Processo Seletivo Simplificado, especialmente a classe trabalhadora que está desempregada e a procura de uma oportunidade:


Marcus Vinícius Rios Faria
processoseletivomarcusviniciusriosfaria

Agora o prefeito Elias Diniz vai sancionar a lei e em seguida será publicado um novo edital e aberto um novo prazo de inscrições para o Processo Seletivo Simplificado. Os outros cargos não sofreram nenhuma alteração.

O Processo Seletivo Simplificado definirá quais os servidores que trabalharão temporariamente no serviço público, especialmente nos programas de combate a endemias, como é o caso da Dengue.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE