Pará de Minas está no nível 3 de contágio do novo coronavírus e situação no distrito de Tavares de Minas preocupa

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Conforme publicado pelo Portal GRNEWS nesta quinta-feira, 21 de maio, Pará de Minas registra até esta data 538 notificações do novo coronavírus (COVID-19). Nenhum novo caso foi confirmado na cidade nas últimas 48 horas, permanecendo em 16 o número de testes positivos.

Mas há pouco mais de uma semana foi confirmado um caso de COVID-19 em Pará de Minas, onde uma idosa, moradora do distrito de Tavares de Minas foi diagnosticada com a doença. Devido à gravidade do quadro e pela idade dela, foi transferida para o Hospital Eduardo de Menezes em Belo Horizonte, referência no estado no tratamento do novo coronavírus.

A idosa segue internada desde então e o quadro dela atual é estável, porém demanda cuidados dos profissionais de saúde.

Mas como ela mora em Tavares de Minas e o distrito é pequeno, as pessoas se interagem mais. Por esta razão toda a família da idosa foi testada para a doença. Dois familiares foram contaminados mas estão assintomáticos.

De acordo com o secretário Municipal de Saúde Wagner Magesty, os dois pacientes confirmados permanecem em isolamento para evitar contaminar outras pessoas:

Wagner Magesty
wagnercoleti2105201


Após a confirmação do caso em Tavares de Minas, a prefeitura além de testar os familiares da idosa, também tomou outras medidas, como a desinfecção de áreas públicas do distrito, como contou ao Portal GRNEWS o prefeito Elias Diniz (PSD):

Elias Diniz
eliascoleti210520


De acordo com o Plano de Contingência para Enfrentamento da Infecção Humana pelo SARS-COV-2, elaborado pelos técnicos da Secretaria Municipal de Saúde, Pará de Minas está atualmente no nível 3 de contaminação, que é quando a transmissão tem risco de ocorrência de grande magnitude e dispersa no território.

O município vive hoje o primeiro cenário do nível, com ocorrência de cerca de 10 casos. Para o secretário Wagner Magesty, estes níveis ditam as ações que devem ser implantadas para enfrentamento à doença:

Wagner Magesty
wagnercoleti2105202

O Plano de Contingência para Enfrentamento da Infecção Humana pelo SARS-COV-2 prevê ainda que a Vigilância Epidemiológica definirá a mudança do nível de enfrentamento. As ações de saúde poderão ser alteradas durante o período de execução do plano.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!