Pará de Minas investe mais de R$ 36 mil mensais no ICISMEP e interventor acredita em nova gestão do HNSC

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


O município de Pará de Minas investe em dois consórcios regionais de saúde. Um deles é o Consórcio Intermunicipal de Saúde do Alto Rio Pará (CISPARÁ) cuja sede funciona no prédio do antigo Pronto Atendimento Municipal. Também investe na Instituição de Cooperação Intermunicipal de Saúde do Médio Paraopeba (ICISMEP).

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A prefeitura anunciou na terça-feira, 16 de janeiro, a celebração de contrato de rateio para custeio junto a ICISMEP, englobando as despesas de pessoal e encargos sociais e outras despesas correntes.

Entre estas outras despesas estão inclusos materiais de consumo e serviços de terceiros (pessoa física e jurídica), assim como outras despesas de manutenção da estrutura administrativa da instituição.

Por esse contrato a Prefeitura de Pará de Minas se compromete a repassar para a ICISMEP o valor de R$ 433.770,49, com vigência entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2018, conforme Projeto Básico da Secretaria Municipal de Saúde. Considerando o valor total, o repasse será de R$ 36.147,54.

O secretário municipal de Saúde Paulo Duarte disse que pretende ofertar muitos exames e serviços aos paraminense por meio desse convênio que consegue contratar maior volume de exames ou serviços por preços bem mais baixos devido ao grande volume contratado.

Paulo Duarte também se mostra confiante no novo modelo de gestão que entra em funcionamento efetivamente a partir de 1º de fevereiro de 2018 no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), do qual ele é interventor.

Visando melhorar e ampliar a prestação de serviços no Hospital Nossa Senhora da Conceição, Paulo Duarte, está conversando com os médicos sobre cumprimento de plantões e remuneração dos profissionais.

Ele conta que faz isso mostrando aos médicos a realidade do hospital, que eles não conheciam. Havia apenas um discurso pronto afirmando que o HNSC estava em crise devido à falta de repasses por parte da prefeitura, que segundo o secretário e interventor, não corresponde à verdade dos fatos:

Paulo Duarte
pauloduartehnscgestao01


A partir de 1º de fevereiro serão implantadas muitas mudanças no chamado fluxo operacional do HNSC que envolve desde o atendimento na recepção, agendamento de bloco cirúrgico entre outras medidas administrativas:

Paulo Duarte
pauloduartehnscgestao02

O Hospital Nossa Senhora da Conceição contratou a empresa especializada em gestão hospitalar RCS, com sede em Belo Horizonte. Paulo Duarte está confiante no sucesso da nova gestão. Importante destacar que o pagamento dos salários atrasados dos médicos dependerá do êxito dessas ações a serem colocadas em prática no único hospital de Pará de Minas.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!