Semáforo no JK é reinstalado, mas outro equipamento no Centro de Pará de Minas apresenta problemas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O trânsito é um dos principais problemas das cidades brasileiras. Se por um lado os motoristas estão cada vez mais imprudentes, não seguindo as regras e o número de acidentes cresce a cada dia, por outro os gestores estão em situação complicada.

Cresce o número de veículos e os municípios, que não recebem repasses dos governos estadual e federal em dia, não tem dinheiro para investir na infraestrutura das cidades.


Em Pará de Minas alguns pontos são sempre motivo de reclamação principalmente por parte de motoristas. Em cruzamentos há pouca sinalização, faltam rotatórias certas avenidas, ruas esburacadas que também atrapalham o trânsito de veículos e pessoas e falta de semáforos.


No final de abril um acidente derrubou o poste do semáforo na Rua Padre Libério, bairro JK. O trânsito no local se transformou em um verdadeiro caos. É que ali o movimento é intenso durante todo o dia e a noite. Além dos paraminenses, há os visitantes que chegam da região de Pitangui e o trânsito de caminhões e carretas é intenso.

O Departamento Municipal de Trânsito e Transportes retirou o semáforo e técnicos analisaram o equipamento para saber se podia ser consertado ou a prefeitura teria que comprar um novo.


Após algumas semanas de espera quem trafega pela Rua Padre Libério já pode se sentir mais aliviado. Neste final de semana o semáforo foi recolocado e está funcionando perfeitamente.

Já na manhã desta segunda-feira, 20 de maio, o sistema de semáforos instalados na Rua Benedito Valadares e Rua Doutor Higino, Centro da cidade, estava desligado. Funcionários do departamento estiveram no local e retiraram o equipamento para avaliação.


Ainda não se sabe o que causou a pane no semáforo e segundo o gerente de Trânsito e Transportes, Pedro Paulo dos Santos Alves, a equipe está analisando o equipamento.

O Departamento pede à população que caso veja algum semáforo com problemas, que ligue no telefone (37) 3231-7848.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!