Prefeito condiciona implantação do Olho Vivo à aprovação pelos vereadores do projeto do Faixa Azul

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Os paraminenses terão que aguardar um pouco mais para se sentirem mais seguros. É que a implantação do Olho Vivo na cidade não deve ser por agora, como era esperado por muita gente.

O projeto está pronto, o cronograma autorizado, o dinheiro em conta, mas a parte burocrática atrasa o processo.

O investimento será de R$ 2,4 milhões e parte dos recursos foi depositada. A quantia de R$ 800 mil foi repassada pela Câmara Municipal após assinatura de um termo no qual o valor deverá ser utilizado exclusivamente para este fim e a Prefeitura completa com recursos próprios e do Governo Federal.

O projeto total contempla instalação de 61 câmeras tanto dentro da cidade como também nos distritos e comunidades rurais. As ruas e avenidas que receberão os equipamentos foram listadas e analisadas pela Polícia Militar, que usou dados estatísticos para ver onde seria necessária a instalação.

Nesta semana um novo passo foi dado no projeto. Tenente-coronel Paulo José Azevedo, comandante da 19ª Companhia Independente de Polícia Militar, visitou novamente o prefeito.

Eles se reuniram para reanalisar o projeto e algumas alterações serão feitas, tanto no quartel onde será montado o setor de monitoramento e ainda a instalação de duas outras câmeras que vão auxiliar na segurança, como explica o prefeito Elias Diniz (PSD):


Elias Diniz
eliasdiniznovidadesolho1

Outra novidade do projeto é a compra de uma câmera móvel. Mas para que o Olho Vivo seja de fato implantado em Pará de Minas, o prefeito condiciona a melhoria da segurança à aprovação por parte dos vereadores do projeto que trata da cobrança do estacionamento rotativo, mais conhecido como Faixa Azul:

Elias Diniz
eliasdiniznovidadesolho2

Na primeira etapa as câmeras de segurança devem ser instaladas na entrada do bairro Jardim Castelo Branco, quatro câmeras na Rua Benedito Valadares, Praça Francisco Torquato, no início e fim da Avenida Presidente Vargas, em frente a Escola Estadual Fernando Otávio, na Praça da Bíblia no bairro Recanto da Lagoa.

Também será instalada uma câmera no semáforo onde inicia a Rua Padre Libério no bairro JK, no trevo do bairro Padre Libério sentido a São José da Varginha, no Distrito Industrial, na Unidade Básica de Saúde do bairro Santos Dumont e na Avenida Nossa Senhora da Piedade.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!