Mulheres buscam maior participação na política e articulam candidaturas para as eleições deste ano

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Em outubro de 2018 serão realizadas no Brasil as eleições para presidente da República, governadores, senadores, deputados federais e estaduais. O pleito promete ser muito disputado.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

As denúncias e condenações oriundas da Operação Lava Jato e de outras diligências da Polícia Federal desgastaram ainda mais a imagem da classe política em todo o país. A maior parte da população acompanha tudo de perto.

Também ganha cada vez mais força o movimento que visa a eleição de novas lideranças este ano. Movimentos trabalham para conseguir participação mais efetiva das mulheres na política.

Historicamente as mulheres brasileiras tiveram pouca participação no comando do país. A eleição da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) foi um dos grandes feitos, mas resultou em um impeachment no segundo mandato.

Os números Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nas eleições de 2016 apenas 11,8% das prefeituras do país eram comandadas por mulheres. No Congresso Nacional elas ocupam nem 10% das cadeiras.

No Senado, por exemplo, são 13 mulheres para 68 homens. Nos governos estaduais uma mulher foi eleita em 2014. Das 29 pastas dos ministérios do governo federal, apenas uma é ocupada por mulher.

Délio Alves, presidente do Diretório do Partido Verde (PV) em Pará de Minas, destaca a importância das mulheres na política para que a situação do país seja mudada. A participação ativa delas é um grande ganho para o processo democrático:


Délio Alves
mulheresnapoliticadelioalves1

O público feminino sempre foi reduzido no meio político e esse cenário precisa mudar. Pará de Minas já teve algumas vereadoras realizando bons trabalhos na Câmara Municipal em seus respectivos mandatos:

Délio Alves
mulheresnapoliticadelioalves2

Apesar de nunca ter sido administrado por uma prefeita, o município já teve como vereadoras: Maria Izaltina, Cristina Teodoro, que inclusive foi presidente da Mesa Diretora, Nancy Teixeira e Geralda Vitor Lebrão.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE