Alerta: pesquisa do SUS revela que 60% dos homens procuram o médico com a doença avançada

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Uma pesquisa realizada pelo Centro de Referência da Saúde do Homem do Sistema Único de Saúde (SUS) mostra que o número de homens que procuram um médico para uma consulta preventiva é 30% menor que o de mulheres e 60% deles já chegam aos consultórios com a doença avançada.

O Ministério da Saúde revela ainda que as doenças cerebrovasculares, como derrame, são as que mais matam a população masculina. Por isso os homens vivem cerca de sete anos e meio a menos que as mulheres.

O urologista Domingos Sávio alerta para a importância de o homem procurar um profissional médico e fazer ao menos um check-up anual. Muitas doenças podem ser tratadas e ter grandes chances de cura se descobertas no início. Ele conta que aos poucos os homens têm se conscientizado sobre isso:


Domingos Sávio
domingossavioprostata1

Infelizmente o preconceito ajuda a aumentar o percentual de homens que não procuram um médico:

Domingos Sávio
domingossavioprostata2

Dados da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) indicam que 20% dos homens diagnosticados com câncer de próstata descobrem a doença já em fase avançada e na maioria dos casos já se propagou para outros órgãos. Por isso a importância do exame preventivo:

Domingos Sávio
domingossavioprostata3

No Brasil o câncer de próstata é o mais frequente na população masculina e a quarta maior causa de morte. É uma doença que na maioria das vezes se desenvolve lentamente e nem sempre apresenta sintomas:

Domingos Sávio
domingossavioprostata4

O profissional da urologia também pode ajudar na vida sexual do homem. Conforme a idade vai avançando há perda de testosterona e tratamentos adequados podem resolver o problema:

Domingos Sávio
domingossavioprostata5

Sobre alterações nos hormônios e baixa de testosterona que dificultam a vida sexual do homem, são necessários exames laboratoriais para comprovar o problema. Detectando há tratamentos, mas que devem ser acompanhados por profissionais da área.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!