Decisões dos pais refletem diretamente nos filhos; oficinas querem mudar as influências negativas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Reflexão, pacificação e entendimento entre o casal. Estes são os objetivos de oficinas que acontecerão na Faculdade de Pará de Minas (Fapam) no dia 18 de maio, sob iniciativa do Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ) a pedido do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) com o apoio do Poder Judiciário de Pará de Minas.

O evento vai reunir casais para discutir a parentalidade, mesmo que não estejam em processo de separação. Com bate-papos e palestras, os pais aprenderão que as decisões deles influenciam diretamente na vida dos filhos.

Para a coordenadora do NPJ da Fapam, a advogada Sônia Fagundes Malta, os trabalhos não são diretamente jurídicos, e sim, reflexivos e educacionais:


Sônia Fagundes Malta
soniamaltaoficinas1

Os casais serão divididos em grupos, em salas diferentes da instituição de ensino e as oficinas devem durar em média quatro horas. Além dos estudantes do curso de Direito, os universitários do curso de Psicologia também participarão. Sônia Malta lembra que serão atividades de estilos variados para conscientizar os pais:

Sônia Fagundes Malta
soniamaltaoficinas2

A oficina está marcada para o sábado, 18 de maio, a partir das 14 horas. As inscrições para podem ser feitas no Fórum Desembargador Pedro Nestor, de segunda a sexta-feira, de 12h às 18h.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!