Verão faz aumentar incidência de escorpiões e biólogo dá dicas para paraminenses evitarem o aparecimento

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

A estação mais quente do ano é ideal para curtir um banho de piscina ou rio. Mas com o verão vem também alguns problemas. Locais quentes e úmidos são propícios para esconder os temidos escorpiões.

Adaptável aos centros urbanos, o escorpião é predador de insetos e aranhas. Ele pode inclusive passar meses em jejum.

O ferrão do animal contém substancias toxicas que podem até causar a morte de humanos. Sem contar que a picada do escorpião dói muito e pode desencadear outros sintomas como taquicardia.

Em Pará de Minas o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) já começou a registrar aumento do número de escorpiões pela cidade. Diariamente são dezenas de ligações e o biólogo Adelmo Lemos disse ao Portal GRNEWS que esse aumento ocorre sempre no verão:

Adelmo Lemos
adelmolopesescorp1


Dois fatores são primordiais para o aparecimento e até mesmo aumento no número de escorpiões. O primeiro deles diz respeito a entulhos e materiais acumulados nos imóveis. O escorpião gosta de local quente e por isso se abriga em cantos e debaixo de qualquer tipo de material:

Adelmo Lemos
adelmolopesescorp2

Outro fator para o aparecimento dos escorpiões é a alimentação. É imprescindível mudar os hábitos dentro de casa para evitar o surgimento de baratas e consequentemente e do escorpião:

Adelmo Lemos
adelmolopesescorp3

E quando aparece o escorpião dentro de casa, o que fazer? Adelmo pede à população que capture o animal e o entregue vivo ao CCZ:

Adelmo Lemos
adelmolopesescorp4

O CCZ de Pará de Minas fica na Rua Francisco Cecílio Mendonça, bairro Papa João Paulo II, atrás do Parque de Exposições Francisco Olivé Diniz. O telefone pra mais informações é o (37) 3231-7817.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!