Sistema biométrico moderno aumentará a segurança nas eleições de 2016 em Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

urnaeletronica_parademinas1
No ano de 2009 o município de Pará de Minas fez o recadastramento de todos os eleitores para a implantação do sistema biométrico. A inauguração foi na cidade e contou com a presença do presidente do Tribunal Regional Eleitoral.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A cidade foi pioneira na adoção da tecnologia que nada mais é do que o registro de dados através das digitais das mãos. É o mesmo sistema adotado para a retirada de passaporte de viagens internacionais.

O sistema informatizado colhe as digitais das duas mãos, registra uma foto e uma assinatura eletrônica do eleitor. Isso aumenta a segurança nas eleições e evita qualquer tipo de fraude nas urnas eletrônicas.

De acordo com Luiz Antônio Gabriel, chefe do Cartório Eleitoral da Comarca de Pará de Minas, os sete municípios são atendidos pela biometria. Os eleitores que ainda não se cadastraram são atendidos e tem as informações colhidas:

Luiz Antônio Gabriel
lzgabr_bmtr1

lzgabr_bmtr
Ele ressalta que até o momento, apenas o município tem que utilizar obrigatoriamente o sistema biométrico. Luiz Antônio Gabriel afirma que nas outras seis cidades o sistema convencional ainda será utilizado:

Luiz Antônio Gabriel
lzgabr_bmtr2

Sobre problemas referentes a leitura das digitais na urna eletrônica, Luiz Antônio Gabriel explica que isso sempre acontece porque às vezes os eleitores passam cremes ou sofrem alguma lesão nos dedos das mãos:

Luiz Antônio Gabriel
lzgabr_bmtr3

A previsão da Justiça Eleitoral é de que no futuro todos os eleitores do país sejam cadastrados pela biometria. Quando isso se concretizar o Brasil terá um dos maiores bancos de dados digitais do mundo.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!