Presépios criados nas décadas de 80 e 90 por artistas paraminenses estão em exposição no Muspam

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Em 1223 iniciou uma tradição na Itália que continua até hoje. São Francisco de Assis montou um presépio como celebração do Natal, mostrando de forma mais realista possível o nascimento do menino Jesus.

As imagens se tornou um sucesso, e segundo especialistas, passou a ser feita por toda Itália, indo para a Espanha e depois toda a América Latina. Agora a maioria das culturas cristãs montam um presépio em casa, no trabalho, nas igrejas e em órgãos públicos.

Divulgação/Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Pará de Minas

Em Pará de Minas a tradição continua bem viva. É só chegar nas casas, empresas e especialmente nas igrejas, é possível ver um presépio, dos menores aos maiores e com imagens que chamam a atenção pela riqueza de detalhes.

Este ano o Museu Histórico de Pará de Minas (Muspam) também dedicou uma parte da sede para a montagem de presépios. Dois estão expostos no local. Um foi produzido em 1985 por Raimundo Nogueira de Faria, o popular Sica, e o outro pelo artista plástico Jerônimo Marcucci.

Ao Portal GRNEWS a gerente do Muspam, Ana Maria Campos, deu detalhes sobre os dois presépios que fazem parte da história de Pará de Minas:

Ana Maria Campos
anamariapres1


O presépio de Jerônimo Marcucci chama a atenção pode ser pintado. Ele retratou o nascimento de Jesus em três telas no ano de 1996. Agora retornaram com a obra para exposição:

Ana Maria Campos
anamariapres2

Os presépios podem ser visitados de terça a sexta-feira, de 9 às 18 horas, e aos domingos de 9 às 12 horas. O Muspam fica na Rua Manoel Batista, Centro de Pará de Minas.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!