Vigilância Sanitária e Polícia de Meio Ambiente capturam cavalos às margens de ribeirão Paciência

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Fiscais do Departamento de Vigilância em Saúde realizaram nesta segunda-feira, 13 de agosto, a apreensão de cavalos às margens do ribeirão Paciência, na região dos bairro São Luiz e Dom Bosco, em Pará de Minas.

Os animais estavam pastando e aparentemente haviam sido deixados no local pelo proprietário. A captura dos equinos também contou com o apoio de uma equipe da Polícia Militar de Meio Ambiente.


De acordo com o artigo 43 do Código de Posturas do Município: “é proibido o depósito ou criação de gado suíno, equino, caprino e vacum, dentro do perímetro urbano da Cidade.”

Muitos paraminenses ainda desconhecem, mas a proibição está prevista na lei que foi elaborada e sancionada pela gestão pública municipal no ano de 1982 e está vigente em 2018.


O objetivo é manter as normas de saúde pública. De acordo com Wander da Silva Rodrigues, diretor do Departamento de Vigilância em Saúde, o descuido de alguns pode provocar até mesmo acidentes:


Wander da Silva Rodrigues
capturacavaloswanderrodrigues1

Outra preocupação é com a proliferação da febre maculosa que é transmitida através do carrapato estrela. Os cavalos estão entre os animais que hospedam o artrópode – que se alimenta de sangue – e pode estar infectado com a bactéria Rickettsia rickettsii:


Wander da Silva Rodrigues
capturacavaloswanderrodrigues2


Sargento Rômulo Cristian Costa, da Polícia Militar de Meio Ambiente, explica que o proprietário abandonou os cavalos em área de preservação permanente, o que configura crime. Além disso, os animais podem invadir as vias e provocar um acidente de trânsito com vítima fatal:


Rômulo Cristian Costa
capturacavalossargentoromulocristian


Os cavalos foram apreendidos e encaminhados para o Centro de Controle de Zoonoses São Francisco de Assis (CCZ), atrás do Parque de Exposições. O proprietário será multado pela prefeitura e a Polícia Militar de Meio Ambiente.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE