Construção civil dá sinais de recuperação em Pará de Minas, apesar da crise econômica

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

obra_construcao230914
Desde o ano 2015 a economia brasileira vem registrando números preocupantes. A quantidade de desempregados, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego, já chegou a 11,4 milhões.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A construção civil é um dos segmentos que servem de pilar para a atividade econômica do Brasil. Mas o setor também sentiu os fortes efeitos da estagnação do mercado. Toda a cadeia produtiva registrou baixas e redução de lucros.

A classe trabalhadora atingida pela falta de investimentos e a paralisação das grandes obras. Com isso sobrou mão de obra para atuar nas construções e reformas de imóveis. Passados alguns meses, a situação mudou um pouco.

Joaquim Luiz de Freitas, presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção e do Mobiliário de Pará de Minas, informa que a fase aguda da crise já passou e o setor vem sentindo uma leve melhora:

joaquim_luiz_de_freitas080716
Joaquim Luiz de Freitas
mccjoaquimluizdefreitas

Carlos Henrique de Souza, presidente da Associação Empresarial de Pará de Minas (Ascipam) e proprietário da Pamaco Materiais para Construção, também confirma a pequena recuperação do setor. De acordo com ele as mudanças políticas influenciaram na reação do mercado:

carlos_henrique_de_souza060115
Carlos Henrique de Souza
mcccarloshenriquedesouza

Segundo os empresários do setor, as vendas registraram um acréscimo entre 3 e 3,5%. Isso se deve a melhora no nível de confiança na atual equipe econômica escolhida pelo presidente da República em exercício, Michel Temer.

Com as propostas feitas pelo atual governo para organizar a economia, as expectativas para o Produto Interno Bruto (PIB) entraram em rota de recuperação. Dados coletados pelo Banco Central mostram números melhores para 2016 e 2017.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!