Criador da Medalha Governador Benedito Valadares destaca o valor da honraria e faz sugestão a vereadores

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Após anos esquecida, foi retomada este ano a entrega da Medalha Governador Benedito Valadares, maior honraria da Câmara Municipal de Pará de Minas. Diferente da Moção de Aplausos, Título de Cidadania Honorária e Diploma de Honra ao Mérito, a homenagem não é votada pelos vereadores e sim um Conselho Permanente que aceita sugestões de nomes e analisa todo o currículo do candidato.

Conforme a Lei nº 1.949, este conselho deve ser composto pelo presidente da Câmara Municipal, um juiz da Comarca, um promotor de Justiça, o prefeito, um representante da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e o presidente da Associação Comercial e Industrial de Pará de Minas, hoje Associação Empresarial de Pará de Minas (ASCIPAM).

Além disso, os candidatos à medalha devem preencher vários requisitos. Consta na lei, que ela só pode ser entregue a quem, de maneira excepcional, contribuiu “para o prestígio das ciências, letras ou das artes em Pará de Minas”; a membros de magistratura, magistério ou funcionalismo público que serviu por mais de 15 anos e tenha se destacado por sua capacidade e dedicação; a brasileiros que contribuíram para o desenvolvimento econômico, industrial, comercial ou cultural do Município; às instituições civis ou religiosas que tenham mais de 20 anos de funcionamento e são consideradas úteis aos interesses da cidades; e quem prestou serviço público de maneira notória ao povo paraminense.

Após anos no ostracismo, a Medalha Governador Benedito Valadares ganhou aos holofotes nesta semana quando os deputados estadual Inácio Franco (PV) e federal Eduardo Barbosa (PSDB) e o ex-prefeito de Pará de Minas e ex-deputado estadual Antônio Júlio de Faria (MDB) receberam a honraria.

O memorialista Luiz Viana David era vereador e presidente da Câmara Municipal de Pará de Minas em 1980 e foi o autor do projeto que mais tarde se tornaria lei. Ele disse ao Portal GRNEWS que esta é uma forma de homenagear um dos mais importantes políticos que o país já teve:

Luiz Viana David
luizvianamedalh1


Acrescenta que ele se lembra de apenas duas pessoas que receberam a medalha. Porém há registros no Museu Histórico de Pará de Minas (Muspam) de outros paraminenses que tem a medalha. Tudo isso poderia ser esclarecido se o livro que consta as entregas não tivesse desaparecido:

Luiz Viana David
luizvianamedalh2

Como adora contar uma história ou causo, Luiz Viana David contou mais um ao Portal GRNEWS. É que Benedito Valadares não é tão lembrado como deveria pelos mineiros. Os paulistas e cariocas reconhecem ainda mais os feitos do político para o país, que seus próprios conterrâneos. Mas o memorialista lembra que antigamente a história não era bem assim:

Luiz Viana David
luizvianamedalh3

Ele ainda deu uma dica aos atuais vereadores de Pará de Minas:

Luiz Viana David
luizvianamedalh4

Acredita-se que a Medalha Governador Benedito Valadares, banhada a ouro, já tenha sido entregue a Orosina Cecílio Mendonça, Bruno Marinho, Ovídio de Abreu e Maria Xavier Capanema.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!