Saúde investiga morte de macaco em Paivas e vacinação contra Febre Amarela continua em Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


A Febre Amarela em Minas Gerais continua preocupando as autoridades e principalmente a população das regiões atingidas pela doença. De acordo com o Ministério da Saúde, em 2017 está sendo registrado o pior surto da doença.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Segundo dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), já foram constatados 1.076 casos suspeitos da doença. As mortes causadas pela Febre Amarela e confirmadas chegaram a 101.

A situação é mais crítica nas regiões do Rio Doce e Mucuri. O município de Caratinga é o com o maior número de suspeitas da patologia que pode ser transmitida até pelo mosquito Aedes aegypti. Até o momento foram 159 casos.

As mortes de macacos com suspeita de febre amarela vêm se espalhando pela Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). Foram constatados óbitos de primatas em quatro municípios: Belo Horizonte, Betim, Contagem e Juatuba.

Em Pará de Minas a situação é tranquila porque o índice de vacinação contra a Febre Amarela chega a mais de 90%. Mesmo assim a Secretaria Municipal de Saúde vem ampliando essa cobertura com a imunização.

De acordo com Gilberto Denoziro Valadares da Silva, responsável pela pasta, vem sendo feito um bloqueio através do envio de equipes de vacinação para a divisa com o município de Esmeraldas:


Gilberto Denoziro Valadares da Silva
febreamarelagilbertodenoziro1

O secretário municipal de Saúde informa que foi encontrado um macaco morto na região de Paivas. O animal foi recolhido e encaminhado para o exame laboratorial para que seja investigada a possibilidade da morte ter sido provocada por Febre Amarela silvestre.

No entanto, não existe motivo para pânico entre os moradores da zona rural porque a grande maioria já está imunizada. As pessoas que ainda não tomaram a dose da vacina devem procurar uma unidade de saúde mais próxima para se proteger:

Gilberto Denoziro Valadares da Silva
febreamarelagilbertodenoziro2

A vacina contra a Febre Amarela só faz efeito cerca de 10 dias depois de tomada. Por isso é importante tomar a dose antes de visitar as regiões onde vem ocorrendo os surtos da doença. Em Pará de Minas as doses não estão em falta.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!