Delegado alerta para os riscos ao compartilhar informações falsas em redes sociais

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


O avanço da tecnologia trouxe muitos benefícios para a vida moderna. Um deles é a rapidez com que as informações chegam a milhões de pessoas ao redor do mundo. Tudo isso é possível graças à internet.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Com o advento das redes sociais, milhares de pessoas passaram a postar e a compartilhar vídeos, fotos, áudios e textos. Alguns aplicativos foram criados para que fossem feitas montagens nas publicações.

As novas ferramentas de comunicação e interação estimularam a criatividade de todos que estão conectados. As redes possibilitaram um contato com várias pessoas ao mesmo tempo e de diferentes localidades.

No entanto, a troca de informações muitas das vezes é mal usada por pessoas inescrupulosas. Golpistas aproveitam o intercâmbio de dados para divulgar mentiras e fazer novas vítimas a todo instante.

Algumas das falsidades divulgadas em redes sociais utilizam os nomes de instituições como a Polícia Militar e a Polícia Civil. Essas postagens podem ser perigosas e provocar prejuízos para muitas pessoas desavisadas.

Esta semana circula nas redes sociais em Pará de Minas uma mensagem falsa citando que dois homens estão visitando residências do município para fazer demonstração de colchões ortopédicos. No mesmo texto um alerta para que os mesmos sejam impedidos de entrar nas casas, pois, se tratam de assaltantes armados e havia também uma mulher com eles. Quem compartilhou esta mensagem pediu que a mesma fosse repassada a outros contatos e ainda citou que a fonte era a Polícia Civil.

Este alerta foi desmentido pelo delegado Regional da Polícia Civil de Pará de Minas, Carlos Henrique Gomes Bueno. Mais que isso, ele aproveita para ressaltar a importância de verificar sempre a fonte das informações antes de fazer qualquer compartilhamento:

Carlos Henrique Gomes Bueno
msgfalsacarloshenriquegomesbueno1


Ele ressalta que geralmente as notícias mentirosas são postadas com erros de português e sem a identificação da fonte. Todo o cuidado é pouco para que as mentiras não sejam propagadas e prejudiquem outros:

Carlos Henrique Gomes Bueno
msgfalsacarloshenriquegomesbueno2

As orientações de segurança para todos que usam redes sociais são: não coloque dados pessoais, evite postar fotos de viagens e de objetos de grande valor e só compartilhe informações de fontes confiáveis. Os pais devem sempre orientar e seguir os passos dos filhos.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!