Fábrica de tecidos demite mais de 80 funcionários em Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

fabrica_dms
Há muito tempo as indústrias têxteis do Brasil vem sofrendo para se manter no competitivo mercado. A situação veio se agravando no decorrer dos anos e agora vem ficando insustentável para muitas empresas do setor.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Entre as dificuldades estão os tecidos importados da China e que são mais baratos e de qualidade inferior. Outros agravantes são o aumento nos custos de produção e a crise econômica que o país atravessa.

Em Pará de Minas uma das indústrias mais sólidas do ramo demitiu nesta quarta-feira (3) mais de oitenta funcionários. A indústria Horizonte Têxtil, com sede no bairro São Pedro, gera emprego e renda no município há muitos anos.

Nesta quarta (3) foram homologadas as rescisões dos contratos de trabalho na sede do Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem de Pará de Minas. Muitos pais de família agora estão desempregados e sem perspectivas.

Este é o caso de Adenílson Ferreira de Araújo, que trabalhava na empresa há 21 anos. Ele exerceu diversas funções dentro da fábrica de tecidos e lamentou a atual crise que vem assolando a classe trabalhadora:
adnls_txt1

Adenilson Ferreira de Araújo
adnls_txt1

O funcionário Reinaldo Francisco dos Santos informou que a situação difícil foi gerada pelos maus governantes que geraram a atual crise. Ele afirma que agora terá que correr atrás de outro emprego para garantir o sustento da família:
reinlds_txt

Reinaldo Francisco dos Santos
reinlds_txt

Gabriel Felipe trabalhava na empresa como ajudante fabril há um ano e quatro meses. Ele também falou sobre os efeitos que a crise financeira sobre os funcionários das indústrias:

Gabriel Felipe
gabrl_txt

Tatiana Cristina Lima, auxiliar de Departamento Pessoal da Horizonte Têxtil, explica que a situação financeira está cada vez mais complicada e por isso as demissões foram inevitáveis. Ela ressalta que assim que o mercado melhorar os trabalhadores deverão ser contratados novamente:
tittn_txt

Tatiana Cristina Lima
tittn_txt

Em Pará de Minas, além da Horizonte Têxtil a Companhia de Tecidos Santanense e a Coopertêxtil vem dispensando colaboradores, concedendo férias e reduzindo custos para manter as fábricas funcionando.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!