Em tempo de férias escolares é preciso redobrar a atenção para evitar acidentes domésticos com crianças

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


O período compreendido entre os meses de dezembro e janeiro é caracterizado pelas férias escolares. Com isso, as crianças passam mais tempo em suas casas e os riscos de acidentes domésticos aumentam.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Dados estatísticos apontam que nesta época os acidentes dentro das residências envolvendo crianças costumam aumentar aproximadamente 25%, um índice considerado preocupante.

Para reduzir esse número e garantir a segurança das crianças, os pais ou pessoas responsáveis devem redobrar a atenção para evitar a ocorrência de acidentes com os pequeninos que podem deixar sequelas permanentes e dependendo da situação podem ser fatais.

Às famílias que pretendem passar mais tempo em casa descansando durante o período de férias escolares precisam ficar atentos ao comportamento das crianças. No bom português é preciso ficar de olho na meninada para evitar acidentes domésticos.

Ações simples podem evitar problemas sérios com as crianças. O subtenente Edson Aparecido Cecílio, da companhia do Corpo de Bombeiros de Pará de Minas, alerta que são muitos os pontos a serem observados dentro de casa.

Orienta que as tomadas de energia elétrica devem estar fora do alcance e com proteções. Entre outros, ele destaca que as panelas devem ficar com alças viradas para o lado interno do fogão e o vazamento de gás deve ser observado atentamente:

Edson Aparecido Cecílio
edson_cecilio_ferias

Também é preciso observar outras situações e seguir orientações do Corpo de Bombeiros para garantir as férias tranquilas entre pais e filhos, levando-se em conta as dicas de segurança.

Quedas

Todo o cuidado é pouco para evitar as quedas em que as crianças podem bater a cabeça ou pescoço gerando consequências sérias. Também podem causar cortes e sangramentos. Por isso atenção com janelas, redes, árvores, balanços, sofás, cadeiras e mesas.

Tomadas

Dentro de casa podem ocorrer acidentes com crianças que colocam o dedo ou objetos como pinças, grampos, chaves, entre outros dentro das tomadas de energia elétrica. Quando esses objetos são inseridos nas tomadas podem fechar o circuito de energia, causando um choque elétrico. Um choque de 220 volts é muito forte para uma criança e pode causar queimaduras e até paradas cardíacas. Os pais ou pessoas responsáveis precisam orientar sempre a criança sobre o risco.

Fios

Os fios de aparelhos domésticos também podem causar acidente doméstico com crianças. Os fios soltos em casa oferecem alguns riscos. Pois caso tente desligar algum aparelho, a tendência da criança é puxar aquele fio. Nesse caso o fio pode se romper ou tiver descascado, a criança vai levar o mesmo choque como se tivesse introduzido um material na tomada.

Tesouras

A criatividade da criança vai longe. Ela sempre pensa em inovar, criar, construir e desconstruir para montar algo novo. Muitas vezes ela usa papel e tesoura, que se estiver muito afiada pode ser usada pela criança de maneira inocente para cortar fios. Também pode se cortar ou machucar um irmão, por exemplo. Evite deixar as tesouras ao alcance das crianças.

Lavanderia

Outro ponto que merece atenção nas casas para evitar acidentes domésticos com crianças é a área de serviço, onde normalmente fica a lavanderia e os produtos de limpeza. Os líquidos coloridos despertam o interesse das crianças e, inocentes, pensam que é suco ou refrigerante. Por isso é importante manter esses produtos em locais em que as crianças não possam alcança-los.

Piscina

Nas casas equipadas com piscina a atenção deve ser preventiva. O ideal é manter a piscina coberta. Além disso, orientar a criança sobre os riscos de entrar na piscina sem saber nadar. Muitas ainda não conseguem entender isso. Daí, a importância de se manter a piscina coberta para garantir a segurança. Outra dica é evitar que brinquedos fiquem no fundo da piscina, o que pode atrair as crianças. A instalação de uma grade pode evitar o acesso das crianças ao local.

193
Em caso de acidentes domésticos o resgate do Corpo de Bombeiros pode ser acionado através do telefone 193.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!