Suspensas atividades e consultas da saúde mental; apenas casos urgentes serão atendidos em Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Após o Decreto Municipal nº 11.045/2020 que traça medidas e estratégias de enfrentamento ao COVID-19 em Pará de Minas, alguns serviços oferecidos pelo Município foram suspensos e eventos adiados. O objetivo é evitar aglomeração e fazer com que a população permaneça em casa, evitando a contaminação.

No setor da saúde mental, algumas atividades foram paralisadas, como atividades e consultas psiquiátricas de crianças e adultos que foram suspensas, sendo que apenas os casos urgentes serão atendidos. No Cersam e CAPS-AD os atendimentos de urgência continuam, sendo que uma equipe avaliará primeiro se há sintomas gripais no paciente.

A psicóloga Marina Saraiva é coordenadora da Saúde Mental, Álcool e outras Drogas da Secretaria Municipal de Saúde de Pará de Minas e explica as adequações realizadas no setor para enfrentamento ao novo coronavírus (COVID-19):


Marina Saraiva
marinasaradesaudmen1

É importante que os familiares dos pacientes estejam atentos à medicação e à prescrição dos profissionais da saúde. Eles devem observar também a quantidade de remédio em casa e tomar cuidado para não deixar faltar, pois neste momento o tratamento domiciliar é o mais recomendável:

Marina Saraiva
marinasaradesaudmen2

O Centro de Convivência Caminho da Esperança teve as atividades suspensas por tempo indeterminado e os profissionais trabalham na elaboração das atividades que serão feitas assim que o órgão voltar ao funcionamento normal. Já o serviço residencial terapêutico mantém o funcionamento já que o local é uma casa, onde os pacientes moram por lá, e todas as medidas de segurança foram tomadas.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!