Oficina orienta pais e filhos sobre bom relacionamento mesmo após uma separação

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) vem ao longo dos anos, implantando mecanismos para estimular a união entre as famílias. São inúmeros casos que chegam à Justiça sobre pais e mães que brigam após a separação e tornam a vida do filho uma verdadeira bagunça.

Pensando nisso foram criadas as Oficinas de Parentalidade ou também chamadas de Oficinas de Pais e Filhos. Nestes encontros, profissionais que fizeram um curso de instrução, mostram às famílias os problemas que discussões e brigas podem causar na vida das crianças e adolescentes.

Em maio deste ano foi realizada em Pará de Minas uma oficina como esta e foi um verdadeiro sucesso. Cerca de 25 pais e mães estiveram presentes em uma manhã de aprendizado.

Neste sábado, 30 de novembro, mais uma Oficina de Pais e Filhos acontece em Pará de Minas. Os participantes terão novas informações e refletirão sobre o papel de cada um na vida do filho e como algumas decisões podem influenciar negativamente no futuro destas crianças. As palestras não tem cunho jurídico, e sim psicológico, e ajudam até os pais que estão em processo de separação. O CNJ quer também evitar conflitos futuros.

O evento é totalmente gratuito, realizado pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) por meio da Comarca de Pará de Minas, e o Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (CEJUSC).

A oficina quer ajudar os pais a ter relações saudáveis que refletirão diretamente na vida dos filhos. Entre os males combatidos estão a alienação parental, conflito diante de crianças e adolescentes e falta de responsabilidades.

O evento é sábado, 30 de novembro, de 8 às 12 horas, na Escola Municipal Dona Cotinha, localizada na Rua Ivo Resende Mendonça, nº 150, bairro Padre Libério. Estarão presentes Ana Amélia Moreira Lemos que é coordenadora do CEJUSC, Sônia Malta que é professora e coordenadora do Núcleo de Práticas Jurídicas da Fapam e Luiz Fernando, representante do CEJUSC.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!