Águas de Pará de Minas não cortará abastecimento de inadimplentes; energia elétrica não será cortada devido ao Covid-19

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Portal GRNEWS publicou duas recomendações recentes feitas pelo Procon de Pará de Minas à Companhia Energética de Minas Gerais (CEMIG) e a concessionária Águas de Pará de Minas solicitando às duas empresas que não façam cortes no fornecimento, tanto de energia como de água, dos consumidores inadimplentes durante a vigência do Decreto Municipal nº 11.035/2020.

O documento foi enviado às duas concessionárias recomendando, ou seja, foi um pedido para que os consumidores que não pagarem em dias as contas não tenham o abastecimento cortado.

Por meio de nota, a concessionária Águas de Pará de Minas informou ao Portal GRNEWS, que garantirá, durante a pandemia do novo coronavírus, a qualidade nos serviços prestados.

Segundo a assessoria de comunicação, “a empresa tem tomado medidas importantes em relação aos seus colaboradores e clientes. Os cortes de água estão suspensos e a concessionária tem intensificado as opções para pagamentos das contas, oferecendo condições facilitadas e especiais para que os débitos sejam regularizados.”

A concessionária interrompeu o funcionamento da loja de atendimento presencial por tempo indeterminado e ampliou o atendimento aos clientes, com o lançamento de dois novos canais, o aplicativo Cliente Águas que está disponível para iOS e Android, e o chat interativo no site e também no aplicativo. O atendimento também continua sendo realizado na agência virtual, acessando AQUI e pelo telefone 0800 737 0422.

Já a Cemig não retornou às solicitações feitas pelo Portal GRNEWS. Porém, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu na terça-feira (24) que suspendeu os cortes no fornecimento de energia elétrica pelos próximos 90 dias.

A suspensão vale para todas as residências urbanas e rurais e para os serviços considerados essenciais, como hospitais. A medida não isenta o pagamento, mas serve para garantir a continuidade do fornecimento para quem não tem condições de manter as faturas em dia.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!