Retomadas visitas presenciais na Penitenciária Dr. Pio Canedo seguindo protocolos da Sejusp

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Uma portaria conjunta da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), Defensoria Pública do Estado (DPMG) e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) seção Minas Gerais, autorizou o retorno gradual das visitas nos 194 presídios e penitenciárias de Minas Gerais.

O Portal GRNEWS apurou que para esta retomada, serão seguidos os protocolos do plano Minas Consciente. A decisão levou em conta a localização dos estabelecimentos penais e a situação da macrorregião em que está inserido. Além das visitas presenciais, desde o início da pandemia os detentos podem se comunicar com as famílias através das visitas virtuais. Segundo a Sejusp, já foram realizadas mais de 45 mil videoconferências em todo o estado.

O Complexo Penitenciário Doutor Pio Canedo em Pará de Minas foi enquadrado na Onda Amarela. Portanto, para ir até o local é preciso que o visitante resida numa macrorregião que também esteja na fase Amarela. Apenas um familiar poderá visitar o detento a cada 30 dias e por no máximo 20 minutos, além de usar equipamento de proteção individual durante todo o período.

Os atendimentos jurídicos também podem ser realizados desde haja distanciamento de no mínimo dois metros e por apenas uma hora.

Além da penitenciária de Pará de Minas, também estão incluídos na Onda Amarela os presídios de Nova Serrana, Formiga, Bom Despacho, Divinópolis, Itaúna e Pitangui.

Permanece suspensa a entrada de alimentos, remédios, vestuário, materiais de higiene e limpeza.

A família deve ficar atenta pois a visitação em cada uma das unidades prisionais pode ser alterada semanalmente, dependendo do que o plano Minas Consciente definir.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!