Inácio Franco analisa proposta para melhorar a arrecadação em MG e opina sobre a reforma da Previdência

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Estado de Minas Gerais passa por uma grave crise financeira há anos. O governador Romeu Zema (Novo) assumiu a gestão em 2019 com um rombo de mais de R$ 30 bilhões nos cofres públicos.

Um planejamento minucioso foi feito para o corte de despesas e aos poucos o atual governo tem conseguido arcar com seus gastos. O décimo terceiro salário do funcionalismo público foi dividido mas pago, os salários continuam parcelados porém em dia conforme cronograma divulgado mensalmente, as prefeituras mineiras concordaram com um acordo para quitar as dívidas com os municípios e verbas são liberados às cidades por meio de emendas parlamentares.

Pará de Minas tem se beneficiado dessas emendas. Muitas delas conseguidas graças ao deputado estadual Inácio Franco (PV). Somente este ano a cidade recebeu R$ 65 mil para a Associação São Judas Tadeu (AJUTA); R$ 200 mil para a Escola Elvira Xavier de Melo; R$ 75 mil para a compra de medicamentos para o Hospital Nossa Senhora da Conceição; R$ 150 mil para a Secretaria Municipal de Saúde; R$ 100 mil para calçamento de ruas do distrito de Tavares de Minas; R$ 1,1 milhão para a implantação da pista de taxiamento do aeroporto; R$ 81 mil para reforma do vestiário do campo de Córrego do Barro, entre outras em vários setores com o objetivo de melhorar a qualidade de vida dos paraminenses.

Agora as atenções se voltam para resoluções referentes à Lei Kandir. A medida regulamentou a aplicação do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e Prestações de Serviços de Transporte Interestadual, Intermunicipal e de Comunicação (ICMS). Uma das normas é isentar o pagamento de ICMS sobre exportações de produtos primários ou serviços e com isso os estados perderam na arrecadação.

Nesta semana o governador Romeu Zema apresentou durante reunião na Assembleia Legislativa a proposta para reaver junto ao governo federal os recursos da Lei Kandir, que segundo o estado, somam um total de R$ 135 bilhões. Inácio Franco esteve presente na apresentação da proposta:

Inácio Franco
inaciofrancoleikandir1

O deputado Inácio Franco também emiti sua opinião sobre a reforma da Previdência e ele espera que estados e municípios sejam incluídos:

Inácio Franco
inaciofrancoleikandir2

Sobre as emendas parlamentares, uma delas é para construção de uma pista de taxiamento no Aeroporto de Pará de Minas. Conhecida também como taxiway é a trajetória definida em terra dentro de um aeroporto que estabelece o deslocamento no chão ou para manobra de aeronaves.

Ele destaca a importância desta pista que será construída na cidade para o crescimento do aeroporto:

Inácio Franco
inaciofrancoleikandir3

Quando à verba de R$ 1,1 milhão para o taxiway o deputado Inácio Franco acredita que em breve o valor será liberado para início das obras.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!