Paróquia de São Francisco celebra 60 anos e será tema de exposição em Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Em maio de 1959 foi criada a Diocese de Divinópolis e desde então a Paróquia Nossa Senhora da Piedade, que tinha como vigário Padre Hugo, passou a pertencer à nova diocese.

Mas como a cidade crescia muito era hora de criar uma nova paróquia. Foi então, em 12 de outubro de 1959, que foi criada a Paróquia de São Francisco pelo então bispo Dom Cristiano. A escolha do santo foi para homenagear a família franciscana pela dedicação à grandeza espiritual.

Padre Hugo foi o primeiro Vigário Ecônomo e ficou à frente da paróquia até 1966. Depois foi entregue aos cuidados dos frades franciscanos que construíram a Matriz e casa paroquial e também criaram obras sociais. Uma delas servia sopa diária aos pobres em um galpão ao lado da Igreja Nossa Senhora das Graças, além de distribuir cestas básicas. Criaram também o Clube das Mães onde eram oferecidos cursos como costura, bordado, culinária e até alfabetização.

Outra obra social criada pelos freis franciscanos foi o Serviço de Assistência Laical (SALEM) que atendia às pessoas mais carentes com cursos profissionalizantes, artísticos e também a distribuição de sopa.

A partir de 1986 a paróquia sentiu a necessidade de construir novas igrejas, daí vieram a Nossa Senhora da Conceição no bairro Providência, Santa Edwiges no bairro Recanto da Lagoa e São Judas Tadeu no João Paulo II.

Em 2006 os franciscanos entregaram a Paróquia e no dia 1º de janeiro de 2007 tomou posse como administrador paroquial Padre Amarildo José de Melo. Desde então foram muitos párocos mas todos continuaram o trabalho de evangelização.

Para comemorar os 60 anos da Paróquia de São Francisco, o Museu Histórico de Pará de Minas (Muspam) prepara uma exposição que contará a história da paróquia e da Matriz dedicada ao padroeiro dos animais e da natureza.

A diretora do Muspam, Ana Maria Campos, conta que o setor histórico está fazendo seu trabalho pesquisando e levantando dados sobre a paróquia. A comunidade católica terá papel fundamental na exposição emprestando materiais que fazem parte da história da Matriz:

Ana Maria Campos
anamariaexposaofranc1


Ana Maria Campos destaca a importância da Paróquia de São Francisco para a história da cidade, já que foi a primeira paróquia de Nossa Senhora da Piedade. Qualquer tipo de material pode ser doado para fazer parte da exposição:

Ana Maria Campos
anamariaexposaofranc2

A expectativa é iniciar a exposição em setembro, como parte das comemorações do aniversário de Pará de Minas. Quem quiser doar pode procurar o Museu Histórico que fica na Rua Manoel Batista, Centro, ou se quiser mais informações pode ligar no telefone (37) 3231-7790.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!