Receita Federal parcela impostos devidos por empresas e microempreendedores individuais

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


A crise financeira continua afetando drasticamente a economia brasileira. Com isso muitas empresas estão enfrentando dificuldades para arcar com a pesada carga tributária do país. A situação é delicada e vem se arrastando a cada ano.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Algumas empresas de pequeno, médio e grande porte estão devendo tributos a Receita Federal. Prova disso é a queda assustadora na arrecadação e o reflexo nas contas do poder público nas esferas federal, estadual e municipal.

Com esses números negativos sendo registrados no país, o governo federal está facilitando o pagamento de impostos em atraso através de alguns programas. A adesão ao parcelamento é feita exclusivamente na página da Receita Federal na Internet.

O pagamento de dívidas pode ser feito com isenção de boa parte das multas e dos juros. Isso gera um impacto no valor final do montante a ser pago em impostos e uma oportunidade para os empresários regularizem a situação.

Jasmita Teixeira Duarte de Melo, chefe da agência da Receita Federal em Pará de Minas, explica que o microempreendedor individual (MEI) também pode parcelar o pagamento de débitos em atraso:


Jasmita Teixeira Duarte de Melo
jasmitaparcelamento1

Ela ressalta que muitas pessoas se inscrevem no MEI e acabam não recolhendo nenhum valor em tributos. Em muitos casos o titular não dá baixa no registro e fica sujeito as cobranças:

Jasmita Teixeira Duarte de Melo
jasmitaparcelamento2

Também estão disponíveis parcelamentos de débitos vencidos até o dia 30 de abril deste ano para empresários e autônomos. Serão retirados juros e multas para facilitar a quitação com as obrigações fiscais:

Jasmita Teixeira Duarte de Melo
jasmitaparcelamento3

Jasmita Teixeira Duarte de Melo também aproveita para dizer quais penalidades estão sujeitos os devedores da Receita Federal do Brasil:

Jasmita Teixeira Duarte de Melo
jasmitaparcelamento4

A adesão aos parcelamentos deve ser feita diretamente AQUI. Para cada caso existe uma regra específica e por isso é importante analisar todo o regulamento.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!