Morre terceira vítima da COVID-19 em Pará de Minas; município tem 100 casos confirmados

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Os números foram revelados no início da tarde desta sexta-feira, 17 de julho, pela Secretaria Municipal de Saúde, confirmando 100 casos confirmados do novo coronavírus (COVID-19) em Pará de Minas. O Portal GRNEWS também analisou outros números indicando que os casos suspeitos comam 1.088, sendo que destes, 938 já estão recuperados dos sintomas gripais e nem todos foram testados para COVID-19. Outros 150 permanecem com sintomas e por isso são acompanhados de perto pelas equipes de saúde.

Quanto aos casos confirmados, 90 já se recuperaram totalmente da doença e sete permanecem com sintomas, sendo quatro em isolamento domiciliar e três internados.

Terceira morte por COVID-19 em Pará de Minas
Entre os casos confirmados, três evoluíram para óbito, sendo confirmada na manhã desta sexta a terceira morte por COVID-19 na cidade. Um idoso de 84 anos, morador da comunidade de Meireles, havia testado positivo e foi internado no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), mas o quadro clínico dele piorou e ele faleceu.

Já em relação aos exames negativos, o número subiu para 1.094. A Secretaria Municipal de Saúde informa que nos casos notificados, entram apenas os dados de pessoas que apresentaram ou ainda tem sintomas gripais. Diz ainda que os servidores da Saúde que estão assintomáticos e atuam na linha de frente também passam por testes. Por isso, o número de exames negativos se sobrepõe aos de casos notificados.

HNSC
O Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) também divulgou nesta sexta-feira os pacientes internados na entidade.

Nas últimas 24 horas, um paciente deu entrada com suspeitas de COVID-19, e outro paciente testou negativo e, devido a boa condição de saúde, recebeu alta. Outro paciente que estava internado como suspeito testou positivo e, infelizmente, um idoso que estava hospitalizado com o diagnóstico de coronavírus faleceu.

No total, 11 pacientes estão internados na ala restrita, sendo três confirmados, seis suspeitos e dois que testaram negativo, mas ainda se recuperam dos respectivos problemas de saúde.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!