Demanda é alta e população aprova atendimento noturno nas Unidades Básicas de Saúde de Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O município de Pará de Minas enfrenta um surto de Dengue e o poder público tem feito de tudo para evitar que a cidade passe pela terceira epidemia da doença.

Várias ações foram intensificadas desde o final do ano passado e mesmo assim os números têm aumentado. Nos três primeiros meses do ano foram mais de 400 notificações da doença e onze casos confirmados. Felizmente não houve mortes relacionadas à Dengue.

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas tem ficado lotada com pessoas com sintomas da Dengue e por isso as reclamações vêm da demora no atendimento. Os pacientes ficam horas na fila e reclamam.

Para reduzir este tempo de espera a Secretaria Municipal de Saúde estendeu o horário de atendimento de duas Unidades Básicas de Saúde (UBS). Nos dias 10, 11 e 12 de abril, quarta a sexta-feira, as UBS dos bairros Santos Dumont e Grão-Pará ficaram abertas até as 21 horas.

O clínico geral Heudys Eduardo Lopes Teixeira atendeu os pacientes na UBS da parte baixa do bairro Santos Dumont. Ele destacou a importância desta extensão no horário da UBS e houve momentos em que a unidade ficou lotada:


Heudys Eduardo Lopes Teixeira
heudysdengue1

A Graciele Moreira de Souza mora no bairro Santos Dumont e está com suspeita de Dengue. Ela foi até a UBS no horário estendido para buscar resultados de exames.


Graciele Moreira de Souza
gracieledengue1

Graciele Moreira de Souza deixa um alerta a todos os paraminenses para que façam sua parte no combate ao mosquito transmissor da Dengue:

Graciele Moreira de Souza
gracieledengue2

O paciente com sintomas da Dengue passa pelo médico da UBS ou UPA e faz o exame de sangue que vai comprovar se está mesmo com a doença. A coleta é feita no próprio posto de saúde e o resultado sai em poucos dias.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!