Passageiros insatisfeitos com os serviços da Turi devem botar a boca no trombone, afirma sindicalista

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

onibus_transito221015
Os usuários do transporte coletivo urbano em Pará de Minas continuam reclamando do serviço prestado pela Turi. A empresa é a responsável pela exploração do serviço de transporte coletivo urbano no município.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Os usuários afirmam que alguns motoristas estão transitando em alta velocidade e não se preocupam com o bem estar dos passageiros. A desatenção e a correria estão entre as principais queixas.

Além disso, alguns motoristas estão atrasando ou deixando de cumprir determinados horários. A situação está desagradando aos passageiros que dependem dos lotações para trabalhar ou transitar pelo município.

francisco_ferreira_borges070716
As informações chegaram ao conhecimento de Francisco Ferreira Borges, presidente do Sindicato do Transporte. Para ele, as pessoas insatisfeitas devem reclamar, acionar a diretoria da Turi e cobrar providências:

Francisco Ferreira Borges
rctfranciscoferreiraborges1

O sindicalista ressalta que determinadas atitudes erradas são facilmente percebidas através da autocrítica. Francisco Ferreira Borges ressalta que nesses casos não é preciso nem mesmo ser submetido a um treinamento:

Francisco Ferreira Borges
rctfranciscoferreiraborges2

A reportagem do Portal GRNEWS procurou a gerência da Turi em Pará de Minas. Porém, foi informada que somente não poderia conceder entrevista sobre sem autorização prévia da assessoria de comunicação do grupo, dono da empresa, sediado em Sete Lagoas. O espaço fica aberto caso a empresa queira se manifestar.

Entretanto, na empresa a reportagem também foi informada que todos os funcionários passam constantemente por treinamentos sobre direção e atitudes corretas a serem adotadas durante a execução do trabalho. Vale lembrar que o contrato firmado entre a Turi e a Prefeitura de Pará de Minas vencerá em maio de 2017.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!