HNSC muda horário e proíbe visitas de pessoas com mais de 60 anos durante pandemia de COVID-19

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Em março o Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) alterou as visitas aos pacientes internados.  A rotina mudou após os primeiros casos do novo coronavírus (COVID-19) na região Centro-Oeste. Agora, com casos suspeitos e um confirmado na cidade, a direção decidiu fazer novas alterações.

O objetivo é evitar a propagação do vírus que já matou milhares de pessoas no mundo, inclusive no Brasil. Entre as principais mudanças está a quantidade de pessoas durante as visitas e acompanhamentos e o horário de visitas, além de restrições que passam a acontecer a partir desta quinta-feira (09).

Ao Portal GRNEWS, a gerente de equipe do HNSC, Karina Assis, explicou as principais alterações como horário de visita de apenas duas horas e pessoas acima de 60 anos estão proibidas de entrar. Além disso as visitas estão restritas a duas pessoas.

Quanto à maternidade, a nova mamãe escolhe um acompanhante que não poderá ser trocado. Ela também não poderá receber visitas. A alteração vale também para os outros pacientes que não poderão trocar o acompanhante até ter alta:

Assessoria de Comunicação do HNSC / Divulgação

Karina Assis
kariasmudahnsc1

As mudanças também acontecem em outros setores do HNSC. Em alguns casos o acompanhante poderá ser trocado uma vez ao dia e em outros está proibida visitação:

Karina Assis
kariasmudahnsc2

A partir desta quinta-feira (09) o horário de visitas será de 14 às 16 horas, sendo que apenas duas pessoas serão permitidas, e idosos acima de 60 anos não poderão entrar.

Na Maternidade, apenas uma pessoa poderá ficar com a gestante que não poderá trocar o acompanhante.

No CTI o boletim médico será apresentado a uma pessoa entre 11 e 12 horas.

No Pronto Socorro, Clínica Médica, Pediatria e Blocos I e III, o acompanhante poderá ser trocado uma vez ao dia às 17h30.

No Bloco II que é o isolado, não haverá direito a visita e nem acompanhante. Para os pacientes que realmente precisarem, será avaliado junto ao enfermeiro do setor e não terá direito a troca.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!