ARSAP acompanha monitoramento no Rio Paraopeba para garantir qualidade da água que abastece Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O trabalho de monitoramento da água do Rio Paraopeba, manancial onde é feita captação no distrito de Córrego do Barro, vem sendo realizado desde a tarde de sexta-feira, 25 de janeiro, quando ocorreu o rompimento de barragens da mineradora Vale em Brumadinho, causando dezenas de mortes e deixando centenas de pessoas desaparecidas.

Além da tragédia humana, a ruptura também provocou danos ambientais. Os rejeitos das barragens percorreram um caminho de sete quilômetros provocando destruição até cair nas águas do Rio Paraopeba.

Desde que souberam da notícia, os técnicos da concessionária Águas de Pará de Minas estão monitorando o Rio Paraopeba, tanto na captação da empresa em Córrego do Barro, quanto em municípios acima.

Além de notar alterações na água do rio nos municípios de Mário Campos e Juatuba, localizados na região metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), os técnicos da empresa também estão coletando água para análises.

Veja também
Água captada no Rio Paraopeba está própria para o consumo, atesta prefeito

Os testes mostram que até o momento não é necessário suspender a captação da água no Rio Paraopeba, pois a água bruta ainda está dentro dos parâmetros exigidos pelo Ministério da Saúde.

O gerente de Regulação da Agência Reguladora do Serviço de Água e Esgoto (ARSAP), Frederico Mendes Amaral, afirma nesta segunda (28) que os fiscais da agência estão acompanhando todo esse trabalho de monitoramento para garantir a qualidade da água que abastece Pará de Minas:

Frederico Mendes Amaral
fredericomendescaptacao1

Quem quiser esclarecer alguma dúvida ou fazer denúncia junto a Agência Reguladora do Serviço de Água e Esgoto (ARSAP), pode ligar para o telefone (37) 3231-1003 ou procurar a sede da agência na Rua Monsenhor Lopes, 35, bairro Nossa Senhora das Graças, em Pará de Minas.

Veja também
Engenheiros da Vale pretendem fazer contenção de rejeitos no Paraopeba para não afetar captação de água em Pará de Minas

O prefeito Elias Diniz (PSD) também disse nesta tarde de segunda-feira (28) que a população de Pará de Minas pode ficar tranquila, pois continuarão recebendo água de qualidade em suas torneiras. Disse que todas as medidas necessárias foram adotadas pela concessionária Águas de Pará de Minas para garantir o abastecimento do município sem oferecer qualquer risco a população.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!