Arrombamentos e furtos frequentes em escolas comprometem até a merenda, afirmam diretoras

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

escola_professor_wilson_demelo_guimaraes
Os registros de arrombamentos, furtos e invasões nas escolas públicas de Pará de Minas vem crescendo assustadoramente nos últimos tempos. Um verdadeiro atentado contra a educação e um retrato do caos que a bandidagem vem instalando pelo país.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Os criminosos agem durante a madrugada e arrombam os estabelecimentos de ensino. Além de promover uma verdadeira quebradeira, eles espalham materiais e fazem uma grande sujeira nos prédios públicos.

Além disso, os marginais furtam equipamentos eletrônicos, principalmente computadores e televisores. Até mesmo os mantimentos das cantinas são levados por bandidos que atuam sem qualquer preocupação.

Vânia Silveira, diretora da Escola Estadual Wilson de Melo Guimarães, no bairro JK, conta que os computadores do laboratório de informática foram furtados. Ela revela que chorou ao visualizar o cenário de destruição:
vansilv_arbmt

Vânia Silveira
vansilv_arbmt1

A educadora afirma que infelizmente a insegurança está presente nas salas de aula. Segundo ela os professores estão com medo o tempo todo e trabalham sempre desconfiando de qualquer atitude suspeita:

Vânia Silveira
vansilv_arbmt2

escola_frei_concordio
Joana D’arc Lino de Barros Campos, diretora da Escola Estadual Frei Concórdio, no bairro São Francisco, informa que o prédio já foi arrombado sete vezes este ano. Os meliantes furtaram toda a carne da cozinha e arrebentam as portas, gerando grandes prejuízos ao estado:

Joana D’arc Lino de Barros Campos
joanadrc_arbmt1

joanadrc_arbmt
Ela lembra que durante uma ação os bandidos visitaram a escola duas vezes na mesma noite. A audácia é de impressionar e os constantes furtos vem comprometendo até a qualidade da merenda escolar servida aos alunos:

Joana D’arc Lino de Barros Campos
joanadrc_arbmt2

As escolas não contam com vigias durante o período noturno. Na Escola Estadual Frei Concórdio existe um sistema de câmeras e alarme, mas nem isso tem inibido a ação dos delinquentes.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!