Pará de Minas mantém setores abertos e não seguirá novas determinações do governo estadual

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Comitê Extraordinário Covid-19 do Estado de Minas Gerais suspendeu os protocolos da onda amarela do plano Minas Consciente. O objetivo é diminuir a propagação do novo coronavírus no estado. Os números crescem consideravelmente a cada dia e algumas regiões estão em risco de ocupar toda a capacidade assistencial da rede hospitalar. Conforme publicado pelo Portal GRNEWS nesta sexta-feira (27) o governo de MG decidiu ampliar as medidas restritivas nos municípios integrantes do Plano Minas Consciente para conter o avanço do novo coronavírus. Também recomendou novos horários para funcionamento das atividades industriais, comerciais e de serviços para estas cidades. A prefeitura de Belo Horizonte também recuou nesta sexta (27) devido ao avanço da COVID-19 e determinou o fechamento de atividades não essenciais.

Diante disso, algumas regiões deverão fechar, após determinação do Governo de Minas, papelarias, salões de beleza e lojas de roupas. Serviços essenciais e autorizados na onda obra como autoescolas, lojas de artigos esportivos e floriculturas podem continuar abertos.

Pará de Minas segue os decretos municipais desde o início da pandemia e quase que semanalmente os membros do Comitê Gestor do Plano de Prevenção e Contingenciamento em Saúde da Covid-19 se reúnem para avaliar os números e definir novas estratégias.

Mas diante das determinações do governo, o Portal GRNEWS questionou a gestão municipal sobre possibilidade de ocorrer alguma mudança em Pará de Minas em razão do avanço dos números dos casos confirmados e suspeitos no município. O procurador-geral do Município Hernando Fernandes da Silva responde que por enquanto, permanece vigente o Decreto Municipal nº 11.154:

Hernando Fernandes da Silva
hernandofdeliberaest1


Quanto ás determinações, a procuradoria-geral do Município já está ciente e analisa todo o documento enviado pelo estado. Mas deixa claro que cada município tem competência para definir regras e medidas de prevenção à COVID-19:

Hernando Fernandes da Silva
hernandofdeliberaest2

Caso haja aumento considerável nos números, novas medidas serão estabelecidas pelo comitê municipal. O procurador garantiu ainda que o Município está atento caso um decreto estadual seja publicado:

Hernando Fernandes da Silva
hernandofdeliberaest3

Até o dia 24 de junho, 155 municípios oficializaram adesão ao plano Minas Consciente, impactando assim 3,7 milhões de mineiros. Pará de Minas não está nesta lista.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!