Deputados federais não confirmam presença e vereadores adiam debate sobre reforma da Previdência

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Durante a reunião Ordinária da Câmara Municipal de Pará de Minas realizada na noite da segunda-feira, 20 de março, foi aprovado um requerimento pelos dezesseis vereadores presentes solicitando a realização de uma reunião com deputados federais para debater com a população a reforma da Previdência Social.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O objetivo era contar com a presença dos parlamentares que foram votados no município e que estão participando das discussões em torno da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 297 que trata da reforma da Previdência Social.

Eram aguardados os deputados federais Domingos Sávio (PSDB), Diego Andrade (PSD) e Eduardo Barbosa (PSDB). A população foi convidada a comparecer a sede do Poder Legislativo para se manifestar sobre o assunto.

A vasta maioria da classe trabalhadora é contra a lei enviada pelo presidente da república, Michel Temer (PMDB), a Câmara dos Deputados, em Brasília. Pela proposta, homens e mulheres passariam a se aposentar com 65 anos de idade.

Para conseguir o benefício integralmente seria preciso contribuir durante 49 anos. De acordo com os especialistas, isso seria praticamente o fim da aposentadoria através do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Outros pontos do projeto também são polêmicos e geram muita revolta na população. As manifestações estão sendo feitas através de redes sociais e o clima é de incerteza e insegurança em todo o país.

O vereador Marcos Aurélio dos Santos (DEM), autor do requerimento que propôs o encontro com os deputados federais, informa que não haverá mais a reunião no próximo sábado (25) por que os deputados federais disseram ter outros compromissos e não podem vir a Pará de Minas:


Marcos Aurélio dos Santos
audienciamarcosaureliodossantos1

O presidente Michel Temer recuou com a proposta de reforma previdenciária para os servidores públicos. Para muitos, essa atitude visa conter as manifestações e as greves deflagradas por todo o país por servidores públicos, principalmente da educação, que são contrárias ao que está sendo proposto:

Marcos Aurélio dos Santos
audienciamarcosaureliodossantos2

Sobre o Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais (PARAPREV), o vereador explica que a autarquia segue leis estaduais e federais específicas. Por isso é preciso aguardar a definição do texto que será aprovado no Congresso Nacional:

Marcos Aurélio dos Santos
audienciamarcosaureliodossantos3

Daniel Fioravante Barbosa, coordenador do escritório do deputado federal Eduardo Barbosa em Pará de Minas, disse que o parlamentar havia adequado sua agenda para participar da reunião na Câmara Municipal. Como os demais políticos convidados não confirmaram presença, a decisão foi a de esperar um novo encontro:


Daniel Fioravante Barbosa
audienciadanielfioravantebarbosa1

A preocupação é em relação ao formato da reunião para que os participantes possam participar. Caso contrário o plenário do Poder Legislativo Municipal poderá se transformar em um campo de guerra:

Daniel Fioravante Barbosa
audienciadanielfioravantebarbosa2

Ainda não foi marcada nova data para que os deputados federais possam vir a Pará de Minas participar do encontro que discutirá a lei de reforma da Previdência Social.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!