Pará de Minas 161 anos: memorialista relembra fatos marcantes do dia 20 de setembro

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Município comemora neste domingo, 20 de setembro, 161 anos de muitas histórias e a cada dia se reinventando, sendo notícia e sendo conhecida nos quatro cantos do Brasil. Assim é Pará de Minas, que surgiu quando aventureiros e bandeirantes procurando ouro e pedras preciosas seguiam para as minas de Pitangui no século XVII, e por aqui passaram.

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

Conta a história que o ponto de pouso às margens do ribeirão Paciência foi o local escolhido pelo mercador Manuel Batista, o Pato Fofo. Ali ele se estabeleceu em uma fazenda, a explorou e sua fama ficou conhecida. Onde hoje é o Museu Histórico de Pará de Minas (Muspam) foi sua residência e é considerada a primeira casa construída na cidade.

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

A partir daí virou Vila, depois Cidade do Pará e por fim Pará de Minas, homenagem ao rio Pará que banha o município e na língua Tupi significa “o mar, águas toda colhe, o colecionador de águas”.

Pará de Minas tem o chamado jeitinho mineiro, mantendo suas raízes e tradições, mas despontando no cenário federal e até internacional. Crescendo cada vez mais e tendo paraminenses ilustres, mas ainda é aquela cidadezinha onde todos se conhecem e se veem pela Rua Direita, nos pontos de ônibus, nas lojas centenárias.

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

E é na Rua Direita, ou melhor, na Benedito Valadares, principal ponto comercial da cidade, que acontecia todos os anos um desfile para comemorar o aniversário de emancipação político-administrativa do município em 20 de setembro.

Logo cedo a rua era fechada e começavam os preparativos. Arquibancadas montadas, famílias inteiras chegando para a principal festividade do dia. As escolas preparavam fanfarras e as bailarinas iam mostrar seu talento pelas ruas.

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

Empresas mostravam o que ofereciam a seus clientes. Até instituições como Exército Brasileiro, Corpo de Bombeiros, que ainda não tinha por aqui, a Cavalaria da Polícia Militar, eram convidados para o desfile.

Tudo isto ainda está na memória de quem assistia com empolgação e até emoção aos desfiles. Caso do memorialista Luiz Viana David que se lembra de tudo com muitos detalhes e contou ao Portal GRNEWS:

Luiz Viana David
luizviadav20091

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

Pessoas hoje conhecidas na cidade já eram famosas naquela época mas por participar dos desfiles. Teve até fanfarra que participou da inauguração do Estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, em 1965:

Luiz Viana David
luizviadav20092

O desfile era o evento principal, mas outros eventos aconteciam como parte das comemorações do aniversário de Pará de Minas:


Luiz Viana David
luizviadav20093

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

O memorialista recorda também que o mês de setembro era especial nas décadas de 60, 70 e 80. Os eventos começavam no dia 7 de setembro e se estendiam até o fim do mês:

Luiz Viana David
luizviadav20094

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

E em 1978 Pará de Minas recebeu uma visita ilustre. Tancredo Neves veio à cidade receber o Título de Cidadão Honorário conferido pela Câmara, mas nem tudo saiu como ele esperava:

Luiz Viana David
luizviadav20095

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

No Santuário de Nossa Senhora da Piedade, Tancredo Neves assistiu à missa e só depois foi para a Câmara receber a homenagem:

Luiz Viana David
luizviadav20096

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

Este ano devido a pandemia do novo coronavírus Pará de Minas comemora seu aniversário de 161 anos com uma sessão cívica às 8 horas na Praça Afonso Pena. Em seguida tem a entrega de títulos de Cidadania Honorária e Honra ao Mérito na Câmara a partir de 9 horas.

Reprodução/Museu Histórico de Pará de Minas

Às 19 horas acontece a live “Nós, o povo de Pará de Minas” com a presença de dezenas de paraminenses que contarão um pouco sobre suas histórias e o motivo de amaremos tanto Pará de Minas.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!