Servidores da educação confirmam greve e superintendente de Ensino garante que estudantes não serão prejudicados

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG) definiu, durante assembleia geral realizada na última semana, a deflagração da greve por tempo indeterminado em todo o estado de Minas Gerais. Os servidores da educação cruzarão os braços para reivindicar o cumprimento da lei que garante o pagamento do piso salarial nacional, o pagamento integral do 13º salário, fechamento de escolas e primeiros anos do ensino fundamental e algumas instituições de ensino, além de outras pautas.

A greve foi anunciada também em Pará de Minas pelo diretor da subsede do Sind-UTE/MG, Rondinelli Alves. Ao Portal GRNEWS, ele disse que está conversando com os trabalhadores e espera que todos participem da manifestação.

Além disso, ele e outros membros do Sind-UTE/MG estarão nas portas das escolas explicando a pais e estudantes sobre os motivos que levaram os trabalhadores a deflagrar greve por prazo indeterminado.

Porém, muitos pais questionaram ao Portal GRNEWS sobre os prejuízos aos alunos, que começaram o ano letivo nesta segunda-feira (10), e para esta terça-feira, 11 de fevereiro, começa a paralisação dos servidores da Educação.

Em busca de respostas a reportagem procurou a Superintendência Regional de Ensino (SRE), que ainda não recebeu nenhum comunicado oficial da Secretaria de Estado de Educação sobre como proceder durante o movimento grevista.

Mas a superintendente Tânia de Moura Morato Resende garante que os diretores das escolas da região já estão acostumados com este tipo de paralisação e os alunos não serão prejudicados:


Tânia de Moura Morato Resende
taniamoratogrevanolet1

Outra assembleia geral está marcada para o dia 14 de fevereiro e a expectativa é que, até esta data, o Governo de Minas Gerais apresente ao Sind-UTE/MG uma proposta para as reivindicações apresentadas.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!