Carga tributária aperta e empresários paraminenses querem discutir o assunto com o governo de MG

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Há muitos anos que o Brasil é um dos países com a maior tributação do mundo. Os impostos incidem sobre tudo que é produzido pelas empresas e consumido pela população.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Indústria, comércio, agronegócio, e prestação de serviços recolhem um grande volume de recursos para os cofres do poder público. O grande problema é que os custos estão aumentando cada vez mais e reduzindo a margem de lucro.

Com a economia brasileira em recessão e uma crise política sem precedentes, o mercado precisa de muito tempo para reagir e voltar a crescer. Outro agravante tem sido os escândalos de corrupção.

A cada dia surge um novo nome de políticos envolvidos em desvios de verbas públicas. Com isso o nível de confiança dos investidores cai e o país não consegue superar as dificuldades.

De acordo com Nilton Ferreira de Oliveira, presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Pará de Minas, a paralisação dos caminhoneiros alertou a classe empresarial para a urgência de discutir a alta carga tributária. Por isso está sendo feito um abaixo-assinado para ser entregue ao governador Fernando Pimentel (PT):


Nilton Ferreira de Oliveira
tributoniltonferreiraoliveira1

O documento já conta com mais de 150 assinaturas de empresários de Pará de Minas. Todos os interessados em apoiar o movimento poderão procurar a sede da CDL em horário comercial e assinar:

Nilton Ferreira de Oliveira
tributoniltonferreiraoliveira2

A classe empresarial está sofrendo muito com a alta carga de impostos municipais, estaduais e federais. O sistema tributário é considerado muito opressivo e muitas empresas não estão conseguindo arcar com tantos compromissos financeiros:

Nilton Ferreira de Oliveira
tributoniltonferreiraoliveira3

A sede da CDL de Pará de Minas está localizada na rua Sacramento, 122, Centro. Os telefones de contato são os seguintes: (37) 3232-2121 e 3232-2123.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE