Estudante usa tribuna para cobrar fim da verba indenizatória e redução salarial dos vereadores

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

joarndr_cmr
Na reunião da Câmara Municipal de Pará de Minas realizada na noite de segunda (7) foram apresentados em plenário, três projetos de lei. Todas as propostas receberam pedidos de vistas e as matérias serão analisadas pelos vereadores.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Com isso o Poder Legislativo terá mais tempo para analisar as informações e votar as leis dentro dos próximos dias. Também foram aprovados sete requerimentos que serão encaminhados à prefeitura.

A galeria da Casa estava lotado e o ponto alto foi uso da tribuna livre. Desta vez o estudante Joander Júnio Chaves de Oliveira falou sobre a proposta de redução de salário dos vereadores e a extinção da verba indenizatória.

Ele fez algumas comparações e cálculos e disse que diante do momento de crise é preciso que as autoridades revejam os gastos com o dinheiro público. O objetivo dele é levar a população para as reuniões da Câmara Municipal e pressionar os vereadores a reduzirem as despesas:

Joander Júnio Chaves de Oliveira
joarndr_cmr1

O estudante iniciou o trabalho de recolhimento de assinaturas de eleitores pará-minenses para propor um projeto de iniciativa popular. Mas, como a proposta é inconstitucional, a intenção é levar tudo para a Mesa Diretora do Poder Legislativo, a qual tem o poder de apresentar as propostas:

Joander Júnio Chaves de Oliveira
joarndr_cmr2

Joander Júnio Chaves explica que continuará com o abaixo-assinado nas praças da área central de Pará de Minas. O recolhimento das assinaturas será no próximo sábado (12), a partir das 9h:

Joander Júnio Chaves de Oliveira
joarndr_cmr3

O líder do movimento a favor da redução salarial dos vereadores e da extinção da verba indenizatória mostra a importância de a população pará-minense participar e forçar uma ação por parte do Poder Legislativo Municipal:

Joander Júnio Chaves de Oliveira
joarndr_cmr4

Após o pronunciamento do estudante na tribuna da casa, nenhum dos vereadores se manifestou sobre os questionamentos. O presidente da Câmara Municipal, Geovane Cardoso Correia, também não quis falar sobre o assunto.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!