Idosos paraminenses com mais de 90 anos precisam se cadastrar para receber primeira dose de vacina contra a Covid-19

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Pará de Minas recebeu na sexta-feira (12), mais 680 doses da vacina contra a COVID-19. Da terceira remessa, 140 doses da CoronaVac serão aplicadas em quem já recebeu a primeira dose, e outras 540 doses, também da vacina produzida em parceria com o Instituto Butantan, que serão disponibilizadas para quem ainda não foi vacinado.

Nas primeira e segunda etapas de vacinação, Pará de Minas já aplicou 1.091 doses, de acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde. Entre os imunizados estão profissionais que atuam na linha de frente ao COVID-19 nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), hospitais Nossa Senhora da Conceição e Municipal Padre Libério, Unimed, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), salas de vacinação e também um idoso.

Nesta terceira remessa os idosos acima de 90 anos serão imunizados. Nota informativa da Secretaria Municipal de Saúde detalha como será esta vacinação. A expectativa é imunizar 100% destes idosos e mais 6% dos trabalhadores de saúde.

Nos idosos, a vacinação acontecerá em casa e iniciará nesta quarta-feira, 17 de fevereiro. Será preciso um cadastro, feita pela Estratégia Saúde da Família (ESF) que fará uma busca das pessoas com 90 anos ou mais que já estejam cadastradas nas UBS. Se o idoso mora em um bairro que não é assistido, ou seja, não tem um posto de saúde, a própria família poderá ligar na Secretaria e inscrevê-lo.

Ao Portal GRNEWS o secretário Municipal de Saúde Wagner Magesty deu mais detalhes desta imunização:


Wagner Magesty
wagmagimunidos1

Para fazer o cadastro o idoso ou a família devem ligar no telefone 0800 940 940 2 e cadastrá-lo, de segunda a sexta-feira, de 8 às 17 horas. Será necessário informar nome completo, data de nascimento, endereço, telefone e CPF.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!