Secretário diz que provedor deu informações desacertadas e sangue coletado em Pará de Minas foi para o HNSC

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


A Secretaria Municipal de Saúde firmou uma parceria com a Universidade Vale do Rio Verde (UNINCOR) e realizou no dia 20 de maio de 2017 uma coleta de sangue em Pará de Minas.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O projeto envolveu também o núcleo da Fundação Hemominas em Divinópolis. Foram cadastradas cerca de 120 pessoas para doar sangue e reforçar os estoques que estão com o volume muito abaixo do normal.

A entidade é a responsável pelo abastecimento do Banco de Sangue do único hospital de Pará de Minas. O objetivo foi conscientizar a população sobre a necessidade de doar e ampliar os cadastros.

Porém, no dia 14 de junho o Banco de Sangue do HNSC estava com apenas duas bolsas, sendo que a demanda é de 180 unidades por mês para atender aos pacientes em seus respectivos tratamentos de saúde.

Durante uma reunião Ordinária da Câmara Municipal de Pará de Minas o vereador e médico Ênio Talma Ferreira de Rezende (PSDB) leu um ofício encaminhado pelo provedor do hospital, Osvaldo Alves Leite.

De acordo com o documento lido pela vereador, o sangue coletado recentemente foi encaminhado para hospitais de Belo Horizonte. Isso comprometeu o estoque de sangue em Pará de Minas e gerou uma situação gravíssima.

Na ocasião a reportagem do Portal GRNEWS procurou o secretário municipal de Cultura, Comunicação Institucional, Esportes, Lazer e Turismo, e interino da Saúde, Paulo Duarte, para falar sobre o assunto. Ele informou que se pronunciaria posteriormente sobre esta questão.

Nesta terça-feira, dia 11 de julho, o secretário se manifestou sobre o tema e disse que as informações prestadas pelo provedor do HNSC, Osvaldo Alves Leite, foram desacertadas e deu sua versão sobre o projeto de coleta de sangue.

Explicou que a grande maioria dos doadores indicou o hospital de Pará de Minas para receber o sangue. Isso foi definido no ato da coleta do material e teve o objetivo de ajudar a entidade paraminense:


Paulo Duarte
coletadesanguepauloduarte1

Ressaltou que o Banco de Sangue foi acionado para participar com a indicação de doadores que iriam preencher as desistências. Também foram feitos novos cadastros para reforçar o estoque do HNSC:

Paulo Duarte
coletadesanguepauloduarte2

Ele disse que existe a convicção da administração pública municipal de que o projeto é benéfico. Informou que a próxima campanha envolverá os servidores públicos municipais para que os interessados façam a doação de sangue:

Paulo Duarte
coletadesanguepauloduarte3

De acordo com o documento da Fundação Hemominas de Divinópolis que foi distribuído pelo secretário Paulo Duarte, compareceram 109 doadores no local da coleta. Desses, 66 estavam aptos a fazer a doação. Foram cadastrados 108 candidatos em nome do Hospital Nossa Senhora da Conceição e um para a Santa Casa de Belo Horizonte.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!