Carteira Nacional de Habilitação em formato eletrônico trará avanços e dúvidas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

José Cruz/Agência Brasil

O Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) aprovou a Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica (CNH-e). A nova ferramenta será disponibilizada a partir de fevereiro de 2018.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

De acordo com o Ministério das Cidades, o documento digital será uma versão do impresso e terá valor jurídico.Com a nova tecnologia os motoristas poderão apresentar a CNH impressa ou em formato digital.

A fiscalização poderá conferir se o documento é autêntico por meio de uma assinatura com certificado digital do emissor ou com a leitura de um QRCode – código de barras. Os agentes de trânsito também poderão consultar os dados do titular.

O usuário fará o cadastro no Portal de Serviços do Denatran e confirmar seu email com o uso de certificado digital. O procedimento deve acontecer por meio de um equipamento que permite o uso do certificado, ou por e-mail no do DETRAN.

O sistema enviará um link para o email informado e o motorista deverá fazer o login pelo aparelho onde deseja ter sua CNH digital. No primeiro acesso será indispensável criar um código para armazenamento dos documentos.

Caso seja necessário bloquear o celular para impedir o uso da conta e o acesso aos documentos, o usuário deverá acessar o portal de serviços do DENATRAN com o certificado digital e solicitar o bloqueio.

Marcos Vinícius de Oliveira, proprietário de Autoescola Nacional em Pará de Minas, afirma que atualmente as pessoas utilizam o telefone celular para realizar muitas coisas no cotidiano e esta nova tecnologia será um grande avanço:


Marcos Vinícius de Oliveira
cnhdigitalmarcosvinicius1

O empresário acredita que após a implantação do novo sistema haverá muitas adaptações a serem feitas. Uma delas é para os condutores que estiverem dirigindo em locais onde não existe o sinal de internet:

Marcos Vinícius de Oliveira
cnhdigitalmarcosvinicius2

O novo aplicativo ainda está em fase de testes e por isso só estará liberado para os condutores habilitados a partir do ano que vem. O novo sistema promete ser uma grande inovação.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!